Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




Porto da Figueira da Foz cresce 22% no 1.º Trimestre de 2020

No período de janeiro a março de 2020, o Porto da Figueira da Foz movimentou 503.226 toneladas, o que representa um crescimento de 22% em relação ao mesmo período de 2019.

Este crescimento teve por base a subida em 57% na movimentação de Carga Geral Fracionada, onde se destaca o tráfego de Pastas Químicas de Madeira e Produtos Florestais com crescimentos, respetivamente, de 79% e 33%. Os Granéis Sólidos surgem também com uma subida de 1%, originada pela movimentação de Produtos de Vidro que atingiram um crescimento de 46%.

Porto de Lisboa surpreendido com rapidez de insolvência de ETPL

Presidente Lídia Sequeira assegura que houve incumprimento de serviços mínimos e diz que não foi o Porto de Lisboa a barrar entrada a trabalhadores.

A Presidente da Administração do Porto de Lisboa, Lídia Sequeira, manifesta-se surpreendida com a velocidade a que a justiça decretou a insolvência da Empresa de Trabalho Portuário de Lisboa (ETPL) e foi determinado o fecho da empresa a poucos dias da declaração do estado de emergência no país. A situação determinou o afastamento dos 134 estivadores afetos à empresa, que estavam em greve, e que agora se encontram impedidos de aceder ao porto. “Devo dizer que me surpreendeu a rapidez com que o tribunal, normalmente muito moroso nesta coisas, decretou o estado de falência e que o administrador da massa falida também com tanta rapidez tenha decretado o fecho da ETPL”, afirmou a responsável esta quarta-feira, em declarações na comissão parlamentar de Economia.

Governo Regional dos Açores decide anular concurso para construção de navio «ro-ro»

Em nota endereçada aos meios de comunicação, o Governo Regional dos Açores adianta a sua decisão de anular o concurso para a construção de um navio de transporte de passageiros e viaturas, e, ao invés, alocar os 48,2 milhões de euros afectos a tal investimento para o combate à pandemia de covid-19 na região. Vasco Cordeiro, Presidente do Governo Regional, vincou que as «prioridades são hoje diferentes e urgentes».

Grupo ETE justifica contratação de novos estivadores com a recusa dos anteriores

O Grupo ETE – Empresa de Tráfego e Estiva esclareceu através de comunicado que procedeu à contratação de novos estivadores para o Porto de Lisboa, à margem do SEAL – Sindicato de Estivadores e da Atividade Logística, porque os anteriores, pertencente à A-ETPL – Associação-Empresa de Trabalho Portuário de Lisboa, cuja insolvência já foi declarada, terão rejeitado serem contratados novamente.

2 A 6 DE JUNHO, EM LISBOA

Conferência das Nações Unidas sobre os Oceanos 2020

Portugal acolhe em junho deste ano a 2ª Conferência das Nações Unidas sobre os Oceanos, um evento inédito fora de Nova Iorque e de grande dimensão, que terá a presença de numerosas individualidades para debater as melhores formas de atingir as metas do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 14, passando das palavras aos atos através do maior e melhor envolvimento dos agentes económicos.

MAR 2020

Há cada vez mais conhecimento científico a ser transferido para os profissionais do sector

Com o apoio do Mar 2020, o investimento na transferência de conhecimentos entre cientistas e pescadores, eleva-se a 5,9 milhões de euros. A sua concretização passa pela criação de redes, a concretização de estudos, projetos piloto e investigação científica ligada ao sector, tendo em vista a transferência dos resultados da investigação e o conhecimento científico para os profissionais do sector.

Nas parcerias em curso em todo o país, estão envolvidos 4 974 pescadores, diretamente ou através das suas organizações e havendo pescadores envolvidos em mais do que uma parceria, e 118 cientistas.

Em 2019, passaram 1,5 milhões de toneladas de alimentos pelo Porto de Leixões

Passaram pelo Porto de Leixões 1,5 milhões de toneladas de produtos alimentares (4 mil toneladas a cada dia do ano), «tais como carne, peixe, cereais, produtos hortícolas frescos, frutas, etc», pode ler-se na missiva divulgadas nas redes sociais.

Porlis já contratou 20 estivadores fora do SEAL e quer contratar mais 20

A Porlis, empresa de trabalho portuário do porto de Lisboa pertencente ao grupo turco Yilport, anunciou, em comunicado, que concluiu a contratação de 20 novos estivadores, à margem do SEAL – Sindicato de Estivadores e da Atividade Logística.

A AQUICULTURA NÃO PÁRA!

Bluegrowth lança campanha de apoio ao sector

A Bluegrowth, consultora de inovação tecnológica para os assuntos do mar, acaba de lançar nas redes sociais uma homenagem aos profissionais da aquicultura. Para Custódia Rebocho, presidente da Bluegrowth “este vídeo é uma mensagem de reconhecimento pelo empenho, coragem e motivação dos profissionais da aquicultura que, todos os dias saem de suas casas para a lavoura dos mares e oceanos”.

Porto de Setúbal e Município promovem desinfecção dos terminais portuários

A Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra, SA em parceria com a Câmara Municipal de Setúbal procedeu no dia 2 à desinfecção das infraestruturas portuárias dos Terminais Multiusos Zona 1 e Zona 2, Tersado e Sadoport respetivamente, e Terminal Roll-On Roll-Off, para protecção e salvaguarda de todos os profissionais que permitem que os bens essenciais continuem a chegar a todos.

Entre 23 e 29 de Março, Yilport Leixões operou 30 navios e movimentou mais de 17 mil TEU

«Apesar da difícil conjuntura – e também por causa dela – o Terminal de Contentores de Leixões continua a trabalhar próximo do máximo da sua capacidade, tudo fazendo para agilizar os fluxos de mercadorias de exportação e importação», adiantou a Yilport Leixões, esclarecendo que «os elevados volumes que continuam a ser movimentados apesar do evidente abrandamento da actividade económica».

700 mil milhões de euros é o que pode custar cada trimestre de interrupção do comércio internacional

As medidas de contenção do novo coronavírus, como a obrigação de isolamento social e as restrições fronteiriças, implementadas pela União Europeia e pelos Estados Unidos da América, podem custar cerca de 700 mil milhões de euros ao comércio mundial durante o primeiro trimestre de 2020, estima a Euler Hermes, accionista da COSEC e «líder mundial» em seguro de créditos.

DIA DO PORTO DE AVEIRO CELEBRADO COM LANÇAMENTO DE NOVA IDENTIDADE CORPORATIVA e NOVO SITE

Em dia de celebração dos 212 anos da Abertura da Barra de Aveiro, Dia do Porto de Aveiro, a Administração do Porto de Aveiro decidiu marcar a efeméride com o lançamento de uma nova identidade corporativa.

“O momento conturbado em que vivemos levou-nos a assumir com determinação esta ideia de mudança para inspirar trabalhadores, clientes, parceiros, a comunidade local e comunidade marítima e portuária, criando deste modo um elo de ligação com todos os que vivem diariamente o Porto de Aveiro”.

PORTOS DE SETÚBAL E DE SESIMBRA APOIAM ACTIVIDADES ECONÓMICAS DA REGIÃO

Aprovada isenção de taxas durante 4 meses

A Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra, SA , perante a crise em que se encontra o país em consequência da pandemia da Covid-19 e da declaração do estado de emergência, adota medidas de apoio na área dominial do Porto de Setúbal e de Sesimbra face à situação vivida por muitos clientes que se viram obrigados a parar a sua atividade ou a diminui-la.

Ciente das graves dificuldades sentidas pelos seus clientes, nomeadamente as associações de pesca, os clubes náuticos, restaurantes, bares, lojas, empresas de mergulho, apoios em terra dos operadores da marítimo-turística e outros, a APSS aprovou a isenção de pagamento das taxas mensais, durante 4 meses, enquanto se encontrarem encerrados ao público, ou até à sua reabertura se esta ocorrer antes deste período.

Depois das medidas para os marítimos, DGRM elenca medidas extraordinárias destinadas aos navios

Depois das medidas extraordinárias para os marítimos face à pandemia, foram agora divulgadas as medidas direccionadas para os navios. Através de comunicado, a DGRM elenca as linhas de orientação para adopção de medidas extraordinárias resultantes da pandemia COVID-19, para todos os proprietários registados, fretadores registados para regimes de fretamento a casco nu, gestores e representantes de navios que arvoram a bandeira portuguesa.

Porto de Lisboa defende actividades económicas através de isenção de taxas durante 4 meses

«A Administração do Porto de Lisboa, SA (APL) , perante a crise em que se encontra o país em consequência da pandemia da Covid-19 e da declaração do estado de emergência, adopta medidas de apoio na área dominial do Porto de Lisboa face à situação vivida por muitos clientes que se viram obrigados a parar a sua actividade ou a diminui-la», pode ler-se no mais recente comunicado da APL.

Navio da Marinha venezuelana afundou-se após colisão com cruzeiro de bandeira portuguesa

Um barco da Marinha venezuelana afundou-se na segunda-feira após uma colisão com o cruzeiro de bandeira portuguesa “Resolute”, a norte da ilha de La Tortuga (181 quilómetros a nordeste de Caracas), foi anunciado esta terça-feira.

Segundo o Ministério da Defesa da Venezuela, pelas 00h locais de segunda-feira (5h em Lisboa), o barco da Guarda Costeira “Naiguatá GC-23” realizava "tarefas de patrulhamento marítimo” no mar territorial venezuelano quando "foi atingido pelo navio de passageiros “Resolute” (122 metros de comprimento e 8300 toneladas de deslocamento), de bandeira portuguesa”.

RANGEL

Efeitos do Coronavirus no transporte de mercadorias

A desaceleração nas escalas portuárias está a ocorrer em todo o mundo, e não apenas na China, o que se explica pela centralidade da China na movimentação de mercadorias em todo o mundo e também pela rápida propagação do vírus por quase todo o mundo. De acordo com os dados do Fórum Económico Mundial 90% do comércio internacional é feito por via marítima e a China é responsável por 40% do movimento nos 50 maiores portos marítimos que operam contentores no mundo.

COVID-19

Há medidas excepcionais no âmbito dos apoios do Mar 2020

O Ministério do Mar adoptou um conjunto de medidas excepcionais de apoio às empresas e outras entidades beneficiárias do Programa Operacional Mar 2020, tendo em vista minimizar os impactos económico-financeiros da situação epidemiológica do novo coronavírus – Covid-19.

ORDEM DOS DESPACHANTES:

Articulação com alfândegas é «essencial» para a integridade logística

Na luta pela pela «reposição e manutenção da Cadeia de Abastecimento», torna-se indispensável a existência de «uma articulação entre a Autoridade Tributária e Aduaneira e os Despachantes Oficiais, no sentido da divulgação de informações atinentes às melhores práticas e procedimentos aduaneiros, numa cooperação plena, com vista à simplificação de processos desejáveis e que viabilizem uma rápida satisfação para os operadores económicos», enfatiza a Ordem. Só assim se garante «a entrada no consumo» e a aferição «da salubridade das mercadorias e produtos, no cumprimento dos seus formalismos legais, evitando a fraude e evasão fiscal», explica ainda a entidade.

Total: 4482