Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.


PSA

Concessionária do Terminal XXI de Sines projecta operações com drones, robôs e máxima automação

A PSA International prepara-se para revelar novidades relativas à operação nos seus terminais de contentores, e todas elas têm algo em comum entre si: o progresso tecnológico ao serviço da eficiência. A concessionária do Terminal XXI do Porto de Sines apresentará, no evento Intelligent Port of the Future, esta quarta-feira, dia 17, uma panóplia de apostas que se centrarão na automação total.

AÇORES

Operação de navio «Gilberto Mariano» prevista para 1 de Março

A empresa pública de transporte marítimo de passageiros Atlânticoline conta ter, a partir de 1 de março, o navio "Gilberto Mariano" a operar de novo, após a paragem obrigatória para manutenção e certificação, de que está a ser alvo nos estaleiros de Aveiro, adiantou o administrador da empresa Carlos Faias.
Com o seu regresso ao arquipélago, voltará a ser possível retomar o serviço de transporte de viaturas por via marítima entre Faial, Pico e São Jorge, suspenso devido ao acidente com o navio "Mestre Simão".

De drones a transporte autónomo, veja as novidades da logística para o futuro

A reportagem da "Folha de São Paulo" ouviu especialistas em logística, de empresários do ramo a professores de pós-graduação, e pediu uma lista com as inovações que prometem causar maior impacto no armazenamento e no transporte de mercadorias nos próximos anos. Em comum, todos apontam a conectividade como saída para desatar os principais nós, seja no chão de fábrica, no interior dos armazéns, dentro dos veículos ou nas mãos dos usuários.

"Esse será o grande filão para micro e pequenos empreendedores. A estrutura física de armazéns, portos, estradas e aeroportos mudou pouco, portanto haverá uma demanda crescente por soluções tecnológicas", afirma Hugo Yoshizaki, coordenador da pós-graduação em logística empresarial da Fundação Vanzolini.

Navios de mercadorias no Porto de Setúbal de 15 a 19 de Janeiro

Estão previstos no Porto de Setúbal um total de 21 navios de mercadorias para o período de 15 a 19 de Janeiro. Por classificação: Porta-Contentores: 6 | Tanque: 3 | Ro-Ro: 2 | Graneleiro: 1 | Petroleiro: 3 | Carga Geral (single e multi deck): 3 | Transporte Especial: 1 | Transporte Cimento: 1 | Transporte Gado: 1

Ferrovia de Sines vai ao encontro das pretensões da Câmara de Santiago do Cacém

De acordo com Álvaro Beijinha "esta é uma obra decisiva para o desenvolvimento da nossa região. O concelho de Santiago do Cacém está muito ligado a Sines, uma vez que grande parte da mão-de- obra do Complexo Industrial e Portuário reside no nosso Município."

Grupo Sousa é o 94.º maior armador mundial

O Grupo Sousa entrou pela primeira vez no “TOP 100” da Alphaliner relativo aos armadores mundiais com maior capacidade para o transporte marítimo de contentores.

Porto de Sines cresceu 14,3% nos contentores entre Janeiro e Novembro

O segmento dos contentores continua a estar em grande destaque no Porto de Sines. Segundo os dados da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT), o porto alentejano continuou em Novembro a sua forte tendência de crescimento.

Num sistema portuário nacional que movimentou 2,76 milhões de TEU’s entre Janeiro e Novembro de 2017, naquele que passou a ser o melhor período homólogo da história, o Porto de Sines surge em destaque «ao exceder em +14,3% o volume homólogo de 2016», refere a AMT, que ressalva que, em termos percentuais, só o Porto de Lisboa aparece à frente na evolução durante este período.

Investigador da Nova Rota da Seda chinesa defende inclusão de Sines na iniciativa

O académico português Paulo Duarte defende que Portugal deve persuadir a China a incluir o Porto de Sines na “Nova Rota da Seda”, um gigantesco projeto de infraestruturas inspirado nas antigas vias comerciais entre Ásia e Europa.

“Devemos mostrar à China que na faixa e rota os comboios não terminam em Madrid, mas em Lisboa ou Sines”, disse à agência Lusa o autor do primeiro livro em português sobre a iniciativa “Nova Rota da Seda”.

Doutorado em Ciências Políticas e Sociais pela Universidade Católica de Louvaina, Paulo Duarte desenvolveu em Taiwan, Ásia Central e República Popular da China a investigação que deu origem à obra “Faixa e Rota Chinesa - A Convergência entre Terra e Mar”.

PORTO DE LISBOA

Anúncio

A APL- Administração do Porto de Lisboa, SA, com sede na Gare Marítima de Alcântara, 1350-355, Lisboa, informa todos interessados ter dado início ao processo de venda, por negociação, de dois terrenos localizados na Rua da Manutenção.

Aveiro e Leixões deram contributo decisivo no crescimento da carga movimentada em Portugal

Os resultados do sistema portuário nacional conhecidos hoje mostram uma movimentação total de 88,8 milhões de toneladas, um novo recorde histórico para o período Janeiro-Novembro. Mas os recordes não ficam por aqui porque no Porto de Leixões e no Porto de Aveiro também se alcançaram números nunca antes vistos para o período em questão.

Repnunmar na Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS)

A Repnunmar Logística e Trânsitos, Lda, vai estabelecee uma operação logística na ZILS - Zona Industrial e Logística de Sines. Realizará no local operações logísticas de receção, parqueamento, reparação e expedição de contentores marítimos cheios e vazios. Instalará, também, um estaleiro para apoio às atividades e ao parqueamento das viaturas da Transportadora Ideal do Bairro de Alcântara (empresa do Grupo Silvestre e Silva) afectas ao Porto de Sines e suporte do trafego. Esta operação visa, dada a perspetiva de crescimento, o apoio à atividade que efetua diariamente no Porto de Sines.

PORTO DE LISBOA CONTINUA DINÂMICO NO MERCADO DAS BANCAS

Como sinal do dinamismo do porto de Lisboa na atividade de bancas, destacamos a escala do navio “EXCELSIOR”, na primeira semana de 2018. Este navio tanque de gás liquefeito, que não terá passado despercebido pelas suas dimensões (93.719 GT | 227 m de comprimento | 43,5 m de boca) esteve em porto, apenas para uma operação de abastecimento de combustível – designada como bancas - , no fundeadouro do quadro central do Porto de Lisboa, entre o Terminal de Granéis Alimentares de Palença e o Terminal de Líquidos da Banática.

AMT destaca Lisboa como «o porto que mais contribuiu» nos resultados até Novembro

Os portos nacionais movimentaram, entre Janeiro e Novembro de 2017, um total de 88,8 milhões de toneladas, um novo máximo para o período em questão. Mas no relatório agora conhecido, a AMT dá um destaque claro ao Porto de Lisboa enquanto grande impulsionador desta evolução registada em 2017.

Carga movimentada nos portos nacionais atinge record de quase 89 milhões de toneladas

De Janeiro a Novembro de 2017, foram movimentadas 88,8 milhões de toneladas de carga nos portos portugueses, o que representa um crescimento de 3,9% face ao mesmo período do ano anterior, e o volume mais elevado de sempre.

De acordo com os dados divulgados esta terça-feira, 9 de Janeiro, pela Autoridade da Mobilidade e dos Transportes, Lisboa foi o porto que mais contribuiu para o aumento, com uma subida de 2,1 milhões de toneladas, ou 23,5% da carga transportada, face ao período homólogo de 2016. Leixões e Aveiro - com quotas de 20,2% e 5,4%, respectivamente - também contribuíram para a melhoria, com taxas de crescimento de 7,7% e de 18,3%.

Tailandesa Indorama compra activos da Artlant e potenciará exportações no Porto de Sines

No final de 2017 ficou fechado o negócio da venda dos activos da Artlant PTA pela Caixa Geral de Depósitos ao grupo tailandês Indorama, por 28 milhões de euros.

Os activos da unidade de PTA que pertenciam à Artlant passam assim para as mãos da Indorama Ventures que se instala desta forma na ZILS – Zona Industrial e Logística de Sines, onde iniciará trabalhos de manutenção já neste mês de Janeiro e pretende começar a produzir no segundo semestre de 2018.

Ano Novo traz promessa de mais records nas exportações

No mercado "Portugal" há fruta e legumes, roupas e sapatos, máquinas, combustíveis ou automóveis. Clientes não lhe faltam. Só em outubro, as vendas para o estrangeiro aumentaram 11,8%, somando 5000 milhões de euros. Nos primeiros 10 meses de 2017 ultrapassaram os 45 mil milhões, mais 4,4 mil milhões (+10,8%) que no mesmo período de 2016. Se não houver surpresas, o ano irá fechar com exportações de bens na casa dos 55 mil milhões. Sem contar os serviços. Com o turismo somado passará dos 43% do PIB.

E a meta para os próximos anos está traçada: até 2025, as exportações nacionais terão de valer 50% do PIB. Governo e empresas estão em sintonia e acreditam que a missão será cumprida. E que 2018 vai ajudar às contas. "Confio que, se não existirem surpresas, as exportações, a par com o investimento, vão continuar a ser o motor que vai puxar pela economia", adianta ao DN/Dinheiro Vivo Paulo Nunes de Almeida, presidente da Associação Empresarial de Portugal (AEP).

Navios de mercadorias no Porto de Setúbal de 8 a 12 de Janeiro

Estão previstos no Porto de Setúbal um total de 21 navios de mercadorias para o período de 8 a 12 de Janeiro. Por classificação: Porta-Contentores: 6 | Tanque: 4 | Ro-Ro: 1 | Graneleiro: 2 | Petroleiro: 3 | Carga Geral (single e multi deck): 2 | Transporte Especial: 1 | Transporte Cimento: 2

Portos britânicos criticam subestimação dos impactos do Brexit por parte do Executivo

O ‘Brexit‘ continua a estar no topo da agenda da comunidade portuária britânica: em nova reacção ao turbulento e incerto processo de divórcio, a Associação de Portos Britânicos (British Ports Association) declarou que as análises sectoriais levadas a cabo pelo Executivo do Reino Unido subestimam os desafios que Brexit acarretará para o sector dos portos britânicos.

Governo vai lançar obras de 3,3 milhões para o Porto da Ericeira

O Governo deverá lançar este mês o concurso público de 3,3 milhões de euros para obras de requalificação do Porto da Ericeira, em Mafra.

Navios de mercadorias no Porto de Lisboa de 6 a 12 de janeiro

Prevêem-se 32 escalas de navios de mercadorias para o período de 6 a 12 de janeiro. Por classificação, chegarão ao Porto de Lisboa, 13 navios porta-contentores, 6 navios carga geral multi deck, 5 tanques, 5 navios mistos – carga geral/contentores, 2 graneleiros e 1 frigorifico.