Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




Leilão do pescado já pode ser feito na nova Lota do Funchal

Os serviços de Lotas e Entrepostos da Secretaria regional de Mar e Pescas da Madeira e os técnicos das empresas continentais que se deslocaram à Região, concluíram “com sucesso” a operação de transferência da antiga lota do Funchal para as novas instalações do sistema electrónico que auxilia no leilão do pescado.

DOCAPESCA CONCLUI CENTRAL FOTOVOLTAICA E LANÇA CONCURSO PARA ILUMINAÇÃO LED EM VILA REAL DE SANTO ANTÓNIO

A Docapesca concluiu a instalação de uma central fotovoltaica, que transforma energia solar em elétrica, no porto de pesca de Vila Real de Santo António, que representou um investimento próximo dos 50 mil euros.
O sistema fotovoltaico, que é o primeiro instalado em portos de pesca a nível nacional, permite cobrir cerca de 30 por cento dos consumos da lota, tendo uma produção anual estimada em 40 mil kWh, e é composto por cem módulos com a potência unitária de 310 Wp.

Docapesca investe 178 mil euros no porto de pesca do Rio Arade

A Docapesca lançou dois concursos públicos para a instalação de central fotovoltaica e reabilitação dos tanques de água salgada no porto de pesca de Rio Arade com um preço base global de 178 mil euros.
A central fotovoltaica, que transforma energia solar em elétrica, visa a melhoria da eficiência energética do porto e trata-se de uma unidade de produção para autoconsumo de energia. Este concurso tem o preço base de 146.500 euros.

Docapesca lança concurso para central de água salgada na Figueira da Foz

A Docapesca lançou um concurso, com o preço base de 100 mil euros, para a instalação de uma nova central de bombagem de água salgada na lota da Figueira da Foz.
A nova central de bombagem será totalmente equipada para as condições de funcionamento resultantes da necessidade de aumento da capacidade. Estão igualmente previstos trabalhos de construção civil que visam a manutenção de condições perfeitas de utilização.
 

Manancial ibérico de sardinha dá sinal claro de recuperação

Os resultados da campanha IBERAS0920 dão conta do melhor recrutamento de sardinha dos últimos 15 anos. Tal como em anos anteriores, a maior concentração de juvenis foi observada na costa ocidental norte de Portugal.
A campanha de investigação IBERAS0920, realizada pelo IPMA e pelo Instituto Espanhol de Oceanografia (IEO), a bordo do Navio de Investigação do IEO "Ramón Margalef", que teve como principal objetivo a estimação da abundância, por métodos acústicos, de sardinha na costa ocidental da Península Ibérica, decorreu entre 9 e 30 de setembro de 2020.

Secretária de Estado das Pescas em Madrid

A Secretária de Estado das Pescas, Teresa Coelho, reuniu-se dia18, em Madrid, com a Secretária-Geral das Pescas do Governo de Espanha, Alicia Villauriz, para analisar as propostas do próximo Conselho de Ministros das Pescas da União Europeia sobre os totais admissíveis de capturas (TAC), quotas e outros assuntos de interesse comum relacionados com a atividade das pescas.

AÇORES

VAB da pesca foi de 283 milhões de euros em 2017

Em 2016 e 2017, os Açores e a Região da Madeira representaram, em conjunto, 10,7% do Valor Acrescentado Bruto da Economia do Mar nacional (4,1% nos Açores e 6,6% na Madeira, respectivamente).
Esta proporção compara com um peso relativo inferior das duas regiões autónomas (4,5%) no total do Valor Acrescentado Bruto do país (2,1% nos Açores e 2,4% na Madeira).

ESTA QUINTA-FEIRA

Sciaena debate pesca de pequena escala em webinário. Participação gratuita

A Sciaena continua o seu ciclo de webinars com o evento “Uma nova luz sobre a Pesca de Pequena Escala: Benefícios e Oportunidades de uma Monitorização e Controlo Melhoradas”, a realizar esta quinta-feira, 19 de Novembro, entre as 10 horas e as 11h30. A participação é gratuita.

Reabilitação da lota de Esposende concluída

A Docapesca concluiu os trabalhos da primeira fase da reabilitação do posto de venda de pescado do porto de pesca de Esposende, os quais, numa primeira fase, compreenderam a repavimentação de 140 metros quadrados, colocação de revestimento e pintura das paredes interiores

Açores lançam segundo aviso de concurso para apoiar cessação temporária da actividade da pesca

O Governo Regional dos Açores lançou a 10 de Novembro o segundo aviso de abertura de candidaturas para apoiar a cessação temporária da actividade da pesca no arquipélago, uma medida que visa contribuir para o rendimento dos profissionais do sector, na sequência dos constrangimentos provocados pela pandemia de Covid-19.

Docapesca adjudica beneficiação do posto de venda de pescado de Santa Luzia

A Docapesca adjudicou a empreitada de beneficiação do posto de venda de pescado de Santa Luzia, no concelho de Tavira, pelo montante de 35.500 euros e um prazo de execução de 50 dias.

PORTO DE PESCA DE LAGOS

Docapesca inicia construção do parque de apoio aos armadores

Arrancou a empreitada de construção do parque de apoio aos armadores do porto de pesca de Lagos, que representa um investimento de cerca de 215 mil euros, para responder às necessidades inerentes às operações de recolha, reparação e acondicionamento de redes e apetrechos de pesca dos armadores e acondicionamento e armazenamento de “isco”.
 

Açores vão gerir quotas de atum patudo e voador a partir de 2021

Os Açores vão passar a gerir, a partir de 2021, as quotas de atum patudo (Thunnus obesus) e de atum voador (Thunnus alalunga), no seguimento da repartição das quotas nacionais destas espécies de tunídeos pelo continente e pelas Regiões Autónomas, com base no historial de capturas destas espécies.

Docapesca melhora eficiência energética no porto de pesca de Portimão

A Docapesca lançou um procedimento concursal para melhoria da eficiência energética no porto de pesca de Portimão através da substituição de 18 luminárias e 34 projetores por equipamentos LED, com o preço base de 61.700 euros.
Com esta mudança para LED, a potência instalada é reduzida de 24.720 para 9.690 Watts (W), ou seja, menos 61 por cento, permitindo ganhos ambientais e uma menor fatura energética.

Docapesca inicia reabilitação do cais de descarga de Peniche

Os trabalhos de reabilitação do cais de descarga do porto de pesca de Peniche já arrancaram, na sequência de uma empreitada adjudicada pela Docapesca pelo valor de 198 mil euros.
Com esta intervenção será reparado o coroamento do cais de descarga, que se encontra danificado devido a impactos mecânicos das embarcações, incluindo-se ainda a instalação de 81 estruturas de proteção (defensas) e cinco escadas de acesso.

Peixe rende 37 milhões de euros em 9 meses no Algarve

O pescado vendido nas lotas algarvias entre janeiro e setembro deste ano rendeu mais de 37 milhões de euros. A lota de Olhão assumiu um papel de destaque, tendo sido aí transacionado cerca de metade do peixe desembarcado pelos pescadores da região.

Segundo dados da Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM), foram comercializadas um total de 10486 toneladas nas lotas algarvias. Olhão foi responsável por mais de 5 mil toneladas, sendo seguida por Portimão (2,9 mil), Lagos (quase 1,5 mil), Vila Real de Santo António (764) e Tavira (197).

Ministério do Mar reforça apoio às cessações temporárias na pesca no âmbito da pandemia Covid-19

O Ministério do Mar, face à evolução da pandemia e ao aumento do número de contágios, no âmbito do Programa Operacional Mar 2020, vai lançar um novo aviso de abertura de candidaturas a compensações à perda de rendimentos dos armadores e pescadores no contexto do surto de Covid-19, através do apoio à cessação temporária das actividades de pesca.

Docapesca lança concurso para repavimentação de terreno junto à lota de Viana do Castelo

A Docapesca lançou um concurso para empreitada de repavimentação do terreno junto à lota do porto de pesca de Viana do Castelo, com o preço base de 88 mil euros e um prazo de execução de 30 dias.
A empreitada incidirá no terrapleno adjacente ao edifício da lota (setor nordeste) e na zona de circulação e acesso ao tardoz dos armazéns de aprestos, numa área total de aproximadamente 5.125 metros quadrados.

Comissão Europeia propõe aumento de 5% na quota de pesca de carapau nas águas ibéricas

A Comissão Europeia publicou a sua proposta que estabelece limites de captura para as unidades populacionais de peixes no Atlântico e no Mar do Norte. A Comissão propõe que 13 unidades populacionais diminuam a quota de pesca, aumentando ao mesmo tempo para o carapau nas águas ibéricas e o linguado em Kattegat em 5% e 12%, respectivamente. Cabe a Portugal fixar os números para as regiões autónomas dos Açores e Madeira.

Docapesca lança concurso para repavimentação no porto de pesca de Viana do Castelo

A Docapesca lançou um concurso para empreitada de repavimentação do terreno junto à lota do porto de pesca de Viana do Castelo, com o preço base de 88 mil euros e um prazo de execução de 30 dias.

Total: 505