Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística


22 DE MAIO - ESTE ANO O TEMA É A BIODIVERSIDADE MARINHA

Dia Internacional da Biodiversidade

A 22 de Maio comemora-se o Dia Internacional da Biodiversidade, dia em que, no ano de 1992, se adoptou o texto final da Convenção da Diversidade Biológica. Proclamada pelas Nações Unidas, esta efeméride visa aumentar a consciencialização acerca da importância da diversidade biológica. Este ano, o tema é a “Biodiversidade marinha”.

AÇORES

Corvo cria reserva para aves marinhas

O "Hotel dos Cagarros", com uma centena de ninhos e vista para o mar, foi criado no Corvo, Açores, num projecto pioneiro a nível mundial que visa criar uma colónia para aves marinhas sem predadores. Os terrenos onde foi criada a reserva foram escolhidos por terem condições para a nidificação das aves, mas também por não terem uso agrícola, estando em curso a recuperação da flora endémica.

Bandeiras azuis em 2012

Infografia do "Público" com informação detalhada sobre as praias portuguesas que, em 2012, conquistaram a almejada classificação de "Bandeira Azul".

BANDEIRA AZUL

Galardão atribuído este ano a 275 praias

Portugal tem este ano 275 praias com Bandeira Azul, mais quatro do que em 2011, revela a associação que atribui esta distinção da qualidade das zonas balneares. Segundo dados da Associação Bandeira Azul da Europa, divulgados numa conferência de imprensa em Lisboa, o número de Bandeiras Azuis atribuídas subiu nas regiões do Norte, do Centro, do Tejo e do Alentejo e desceu no Algarve, nos Açores e na Madeira.

PONTA DELGADA

Dois navios da Norwegian Cruise Line comemoram o Dia da Terra e Dia da Árvore

Numa iniciativa dos oficiais do navio Norwegian Epic, em parceria com a Portos dos Açores, S.A. e Bensaúde Shipping, realizou-se uma cerimónia nos jardins da avenida marginal de Ponta Delgada, relativa à comemoração do Dia da Terra.
O evento, realizado a 21 de Abril, consistiu na plantação de dez árvores e colocação de placas alusivas por parte das entidades envolvidas.

Há níveis consideráveis de toxinas mortais em moluscos da costa portuguesa

Um estudo desenvolvido nos centros de investigação da Universidade do Porto revela que existe nos últimos anos um aumento dos níveis de uma toxina mortal em moluscos recolhidos na zona costeira portuguesa. A Tetrodotoxina é responsável por um elevado número de mortes em humanos, especialmente no Japão, onde o fugu (peixe-balão) é uma iguaria muito apreciada e que, caso seja mal preparada, pode ser mortal pelos níveis de tetrodotoxina que contém.

DE 5 A 8 DE MAIO DE 2013

Simpósio Internacional «Respostas dos Organismos Marinhos aos Poluentes» (PRIMO 17)

De 5 a 8 de Maio de 2013 realiza-se o Simpósio Internacional “Respostas dos Organismos Marinhos aos Poluentes” (PRIMO 17) organizado pelo Centro de Investigação Marinha e Ambiental da Universidade do Algarve.
Pretende-se que este simpósio possa proporcionar um espaço rico para troca de saberes, e produção de conhecimento, sobre respostas dos organismos aquáticos aos poluentes, em contexto internacional.

MUITOS DOS DETRITOS CAEM NO OCEANO

Que fazer com o lixo espacial?

A 29 de Março assinalou-se o 40.º aniversário da assinatura da Convenção sobre a Responsabilidade Internacional por Danos Causados por Objectos Espaciais. Felizmente, este acordo nunca chegou a ser utilizado na prática jurídica. Mas, nos últimos anos, tem suscitado maior atenção, quando se fala das garantias de segurança dos novos projectos orbitais.

Os oceanos estão a ficar mais quentes há pelo menos um século

A viagem do navio britânico Challenger, entre 1872 e 1876, não é só histórica pelas descobertas que permitiu sobre os oceanos: as informações recolhidas nessas deambulações são também valiosas para perceber quando é que as alterações climáticas começaram a fazer sentir os seus efeitos nos oceanos. A primeira comparação global entre esses registos do século XIX e as temperaturas actuais mostrou que o aquecimento global chegou aos oceanos há mais tempo do que se supunha.

Portugal pode ter de deslocar populações devido à erosão costeira

"Em alguns sítios não temos outra solução a médio prazo que não seja deslocar populações", admite o secretário de Estado do Ambiente e do Ordenamento do Território, referindo-se ao crescente problema da erosão costeira em várias zonas do país e à progressiva elevação do nível do mar motivada pelas alterações climáticas.
Pedro Afonso de Paulo explica que Portugal não tem dinheiro para fazer paredes de betão semelhantes às que foram feitas na Holanda para funcionarem como diques e protegerem as populações da invasão da água do mar. Nesta altura, cerca de 30 por cento da costa portuguesa está sujeita a "muito forte erosão", acrescenta.

15 DE ABRIL

Exercício de Combate à Poluição no Porto de Faro

Vai decorrer no cais comercial em Faro, no dia 15 de Abril (entre as 09 e as 14 horas), um exercício de combate à Poluição por Hidrocarbonetos no Mar, informa a Marinha.
Este exercício, o primeiro de dois previstos para 2012, será conduzido pela Marinha/Autoridade Marítima, através do Departamento Marítimo do Sul, e tem como objectivo o treino e avaliação do desempenho das equipas de intervenção do Departamento Marítimo do Sul e da Capitania do Porto de Faro em resposta aos incidentes mais prováveis.

UE dá 35 milhões de euros para navios movidos a gás

Os portos da Madeira e os armadores portugueses estão envolvidos no projecto COSTA, uma iniciativa que visa a redução da emissão de gases poluentes no transporte marítimo.
De acordo com o presidente do Instituto Portuário e dos Transportes Marítimos (IPTM), Portugal ficou como líder do projecto internacional ao nível técnico , afirmou João Carvalho na apresentação deste projecto, que pretende criar condições que viabilizem a utilização de gáss natural liquefeito (LNG) como combustível no transporte marítimo.

3,2 mil milhões de euros perdidos no mar

Num estudo apresentado por uma organização britânica, conclui-se que se os mares europeus fossem explorados de forma sustentável, os países da UE ganhariam milhões de euros.
A recuperação de 43 stocks de pesca nos mares do Norte, Báltico, Cantábrico e na costa ocidental portuguesa, actualmente saturados, poderá elevar as receitas anuais das frotas pesqueiras europeias em mais 3,2 mil milhões de euros por ano, o que equivale ao triplo do valor dos subsídios comunitários anuais à pesca.

Governo dos Açores quer mais protecção para os recursos pesqueiros dos bancos submarinos

O Governo dos Açores pretende aproveitar a reforma da Política Comum de Pescas para assegurar maior protecção aos recursos pesqueiros dos bancos submarinos, que não estão suficientemente protegidos com a zona de limitação de pesca de 100 milhas.
"Queremos substituir a zona de proteção das 100 milhas por uma que abranja os bancos e montes submarinos, onde se registou um aumento muito elevado do esforço de pesca", afirmou Marcelo Pamplona, subsecretário regional das Pescas, recordando que há vários montes submarinos no Mar dos Açores que estão fora do limite das 100 milhas.

«BIOSFERA», RTP2

Pesca insustentável

Sabe o que está a acontecer aos oceanos, desde a implosão da pesca industrial? A atitude predatória do homem e a contaminação dos recursos hídricos estão a alterar os ecossistemas marinhos. A Comunidade Europeia debate a reforma da Política Comum das Pescas. Defende-se a sustentabilidade, mas aumentam-se as quotas de pesca. O futuro do peixe e das pescarias é incerto.

«BIOSFERA», RTP2

Tubarões em perigo

¼ dos tubarões do Atlântico está ameaçado de extinção. O grande predador está transformado em presa pelo Homem. Caça-se essencialmente as barbatanas para uma sopa que pode custar 150 euros a tigela no mercado asiático. Não há quotas de protecção para as espécies mais capturadas e os métodos de controlo do corte da barbatana são questionados pela comunidade científica.

ENERGIA DAS ONDAS

Zona-piloto deve estar em funcionamento em 2015

A zona-piloto portuguesa, criada em 2008, para a produção de energia das ondas, deverá entrar em funcionamento em 2015, quando for superada a carência de infraestruturas, disse a investigadora Teresa Simas à Agência Lusa.
A zona-piloto foi criada ao largo da praia de São Pedro de Moel (Leiria), para promover a energia renovável das ondas, potenciando o seu desenvolvimento tecnológico e a sua comercialização.

Portugal beneficia de fundo europeu para a energia do mar

O sector português de energia do mar vai beneficiar de um fundo da União Europeia, que pretende facilitar o acesso de investigadores a instalações de teste nos centros de energia renovável marinha, em toda a Europa. Um total de 9 milhões de euros serão distribuídos pelos vários centros da Europa.
Denominada de ‘MaRINET’ (Marine Renewables Infrastructure Network), a iniciativa europeia oferece períodos de teste em energia renováveis do mar nesses centros, sem nenhum custo para os participantes. Em Portugal, o Wave Energy Centre é parceiro-chave na iniciativa, disponibilizando a sua estação de testes na Ilha do Pico, nos Açores.

EUA

Grupo de protecção animal salvou 300 golfinhos

Um grupo de protecção animal norte-americano salvou 300 golfinhos ao ajudá-los a sair do porto de Wellfeet, em Cape Cod, perto de Boston, nos EUA, onde se encontravam encalhados e corriam sérios riscos de vida. Os especialistas do International Fund for Animal Welfare (IFAW) recorreram a equipamentos subaquáticos munidos de sonares e a barcos para direccionar o percurso dos golfinhos para fora do porto.

DEVIDO À INSTABILIDADE DAS MARINHAS | VÍDEO

Acesso a três praias do Algarve pode vir a ser interditado

O acesso a três das mais famosas praias do Algarve pode estar comprometido na próxima época balnear, devido à instabilidade das arribas. O Governo prepara-se para reforçar o regime de coimas sobre quem desrespeitar as zonas de risco. Na prática, podem ficar inacessíveis praias como a da Marinha, que está entre as 100 mais belas do mundo.

Total: 382
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 [14] 15 16 17 18 19 20