Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Submarino NRP Arpão integra Força Naval Permanente da NATO

O NRP Arpão largou terça-feira da Base Naval de Lisboa a fim de integrar a Força Naval Permanente da NATO - Standing NATO Maritime Group 2 (SNMG 2), onde participará na Operação “Active Endeavour” e no exercício internacional “Noble Mariner” no Mediterrâneo, estando previsto o seu regresso no mês de Novembro.


A SNMG 2 é uma Força Naval, multinacional, constituída por meios aeronavais de vários países da Aliança Atlântica, que se encontra permanentemente disponível para um amplo espectro de missões NATO, desde exercícios a operações militares reais.

A Operação “Active Endeavour” é uma operação da NATO no Mediterrâneo - única ao abrigo do artigo 5º do Tratado do Atlântico Norte -, centrada na campanha internacional de combate contra o terrorismo. Tem como objetivo a condução de operações navais e aéreas, no Mediterrâneo, incidindo na dissuasão, defesa e proteção contra atividades associadas ao terrorismo.

O exercício “Noble Mariner” é um exercício naval NATO que tem por objetivo a preparação e a certificação operacional das “NATO Response Forces” para o seu empenhamento em cenários reais, seja em operações de carácter essencialmente militar, seja em operações de apoio humanitário ou assistência a populações civis.

O NRP Arpão será o primeiro submarino português a integrar uma força desta natureza e o primeiro a participar na Operação “Active Endeavour”. O empenhamento dos novos submarinos em missões desta natureza demonstra a sua capacidade e versatilidade como meio capaz de controlar e defender vastos espaços marítimos.

O Arpão é comandado pelo Capitão-Tenente Baptista Pereira e a sua guarnição é constituída por 33 militares (7 oficiais, 13 sargentos e 13 praças).