Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

ATÉ 14 DE JUNHO, DATA DA RENDIÇÃO DOS ARGENTINOS

Guerra das Malvinas «reconstruída» online

Uma reconstrução passo a passo da Guerra das Malvinas, a batalha travada entre o Reino Unido e a Argentina em 1982, pode ser acompanhada em perfis no Facebook e no Twitter, uma ideia desenvolvida para marcar o 30º aniversário do conflito. O Museu Nacional da Marinha Real em Portsmouth também desdobrará, junto com outros museus britânicos, a sequência dessa guerra através das mesmas redes sociais.

Acompanhe os eventos no Twitter através da hashtag #Falklands30.

Amparados por uma espécie de linha do tempo (timeline), será possível conferir nas redes sociais uma ordem cronológica que percorrerá todos os principais acontecimentos dos 74 dias deste conflito, que resultaram na morte de três habitantes da Ilha, 255 britânicos e 649 argentinos. Os especialistas do Museu Submarino da Marinha Real em Gosport, o Museu de Marines e o Museu da Frota Aérea britânica também contribuíram no desenvolvimento desta reconstrução histórica.

O gerente de marketing do Museu Submarino da Marinha Real britânica, Bill Sainsbury, disse que "cada um dos museus do Museu Nacional da Marinha Real está envolvido nesse projecto para contar a história da última grande batalha naval do século XX, que, por sinal, terá uma perspectiva única". "Confiamos em que unidos, mediante Facebook e Twitter, podemos reproduzir os fatos exatamente como ocorreram há 30 anos", completou o especialista.

A reconstrução da Guerra das Malvinas nas redes sociais também abordará os antecedentes prévios à invasão argentina ao arquipélago, datada do dia 2 de Abril de 1982, e os desdobramentos da batalha, encerra no dia 14 de junho com a rendição do país latino-americano.

fonte

LEIA TAMBÉM: O conflito entre Argentina e Reino Unido sobre a soberania das ilhas esquentou novamente


 







Artigos relacionados:

  • Guerra das Malvinas no «Diário de Lisboa»
  • A guerra que ajudou Thatcher e derrubou a ditadura argentina
  • Veja imagens do arquipélago
  • A Reconquista Argentina das Malvinas - FOTOGALERIA
  • O que eles disseram...
  • Malvinas: uma guerra de opereta
  • «Invincible» no Tejo
  • Porta-aviões à venda na internet