Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.

Janela Única Logística

Notícias

PORTO DE LISBOA | 15.10.2011

Abertura do Açude da Caldeira da Moita

A 15 de Outubro de 2011, teve lugar a cerimónia de abertura do Açude da Caldeira da Moita, construído no âmbito da Operação de Valorização Integrada da Zona Ribeirinha – Da Caldeira da Moita à Praia do Rosário.

Diminuir os níveis de assoreamento e repor as condições de acesso e navegabilidade foram os principais propósitos da reabilitação do espelho de água da Caldeira da Moita.

A operação resultou de uma candidatura conjunta ao QREN entre a Administração do Porto de Lisboa e a Câmara Municipal da Moita, que para além da demolição parcial do dique e da construção de uma nova estrutura de açude a montante da posição anterior, contemplou ainda a realização de dragagens.

O custo total da intervenção sob responsabilidade da APL,SA, foi de €1.100.000,00, tendo sido cerca de 65% deste valor, comparticipado pelo FEDER e o restante totalmente suportado pela APL,SA.

Visando proporcionar um ambiente urbano mais qualificado e uma maior aproximação da população ao rio, a Operação de Valorização Integrada da Zona Ribeirinha – Da Caldeira da Moita à Praia do Rosário engloba ainda a preservação paisagística, a edificação de um pontão de apoio às actividades náuticas, no Gaio, já concluído, a consolidação de percursos cicláveis e pedonais, bem como, acções de sensibilização ambiental e salvaguarda das embarcações típicas do Tejo.