Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Costa alentejana tem menos 600 mil litros de lixo

Plásticos, papel de alumínio, material de pesca e outros detritos. Em cerca de 15 dias, os voluntários da Brigada do Mar já retiraram da costa alentejana 600 mil litros de lixo. A terceira edição desta iniciativa arrancou a 5 de Maio e prolongou-se até dia 22.

Desde o início da campanha, cerca de 60 voluntários da Brigada do Mar têm estado a limpar, diariamente, a costa alentejana. A ação está a decorrer entre as praias de Tróia e Melides, com o apoio da Câmara Municipal de Grândola. Em quinze dias, os voluntários já percorreram cerca de 38 km.

Rute Novais, da Brigada do Mar, explicou ao Boas Notícias que o tipo de lixo recolhido é sobretudo plástico alimentar, pratas de papel de alumínio e lixo de pesca como redes, ceras e bidões de óleo.

A organização considera que a causa de tanta poluição na nossa Costa se deve, na sua maioria, à pouca consciência das muitas pessoas que vivem diretamente do Mar.

No ano Internacional do Voluntariado, o projeto está a atrair novos e repetentes voluntários vindos de várias zonas do país, incluindo quatro jovens de Espanha que frequentam o programa Erasmus em Portugal e que quiseram contribuir com uma semana dos seus últimos dias no país para deixar a praia mais limpa.

Até ao momento, a Câmara Municipal de Grândola foi a única que mostrou interesse em apoiar a Brigada do Mar - fornecendo equipamento como os tratores para recolha dos sacos de lixo - mas os voluntários mostram-se disponíveis para alargar a iniciativa a outras praias nacionais.

FONTE: BOAS NOTÍCIAS