Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

ESTA SEXTA-FEIRA, 3 DE JUNHO

Barreiro acolhe festejos dos 50 anos da Escola dos Fuzileiros

A cidade do Barreiro acolhe sexta-feira as comemorações dos 50 anos da Escola dos Fuzileiros, num programa de comemorações “só possível graças à vontade de muita gente, apesar da difícil situação económica e da falta de recursos”. Durante a apresentação oficial do programa, o comandante da escola, António Pereira Leite, acrescentou que a ajuda de várias entidades “possibilitará a existência de vários pontos altos no programa, que engrandecerão a escola e que tornarão mais colaborantes e dinamizadores os cidadãos activos”.

Por seu lado, Carlos Humberto, presidente da câmara municipal, considera “muito positivo” que este evento tenha lugar no Barreiro, em mais um sinal “da excelente relação que ambas as entidades já tinham”. “A escola aprofundou com os cidadãos um relacionamento excepcional que tem sido, ao longo destes 50 anos, muito positivo”, considera o autarca, que recorda também a importância do município já na altura dos Descobrimentos, dado que existem indícios de que “a Ribeira das Naus terá sido neste território, apesar de estes não estarem cientificamente comprovados”.

Já o contra-almirante Picciochi, comandante do corpo de Fuzileiros, não esquece o facto de as instalações navais estarem situadas junto da Mata Nacional da Machada e do rio Coina desde 1961, como corolário da visão estratégica que levou o almirante Reboredo e Silva a recriar os Fuzileiros na Armada Portuguesa. “As instalações são uma referência para os cerca de 22 mil fuzileiros que passaram pelas instalações nos últimos 50 anos”, refere o comandante, que realça ainda o facto de este aniversário “poder vir a contar com muitos dos que por ali passaram nesse tempo”.

O programa dos 50 anos da Escola dos Fuzileiros prevê a realização de uma cerimónia militar, uma exposição itinerante, lançamentos de selo e de um livro comemorativos, um concerto pela banda da Armada e a inauguração de um monumento alusivo, na avenida dos Fuzileiros Navais. Apesar de o próximo 3 de Junho ser o dia oficial do aniversário, as comemorações arrancam a 5 de Maio e prolongam-se até Outubro, mês em que está prevista a visita de cerca de 500 séniores de uma região do país à Escola dos Fuzileiros, no âmbito do Mês do Idoso.
 

FONTE: SETÚBAL NA REDE