Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

TERMINAL XXI DO PORTO DE SINES CONTINUA A RECEBER OS MAIORES NAVIOS DO MUNDO

«MSC Rosa M» é o oitavo porta-contentores de 14.000 TEU em viagem inaugural

No passado dia 29 de Janeiro o Terminal XXI do Porto de Sines recebeu o navio porta-contentores “MSC Rosa M” na sua viagem inaugural, vindo do Extremo Oriente. Com bandeira do Panamá, e à semelhança dos anteriores sete navios que escalaram este terminal na sua viagem inagural, o “MSC Rosa M” exige um calado máximo de -16 metros, tendo capacidade para transportar 14.000 TEU.

Com um comprimento fora-a-fora de 365,5 metros e uma arqueação bruta de 153.000 toneladas, este navio de última geração está inserido no Lion Service, um serviço da MSC - Mediterraneam Shipping Company que liga o Extremo Oriente à Europa e vice-versa, sendo Sines um dos poucos portos do continente europeu com capacidade de o receber e operar.

Como é prática habitual em casos semelhantes, a Administração do Porto de Sines assinalou o evento com a oferta de uma placa alusiva à ocasião ao comandante do navio.