Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Dragagens do Portinho de Vila Praia de Âncora já começaram

A Direcção Geral dos Recursos Marítimos (DGRM) deu início, no dia 27, às operações de dragagem do Portinho de Vila Praia de Âncora. Os trabalhos surgem dias depois de uma reunião entre a DGRM, a Câmara Municipal de Caminha e a Associação de Pescadores Profissionais e Desportivos de Vila Praia de Âncora, que serviu para debater o resultado dos estudos preliminares que proporão a reconfiguração do Portinho de Vila Praia de Âncora.
A obra, que há muito é desejada pela comunidade piscatória de Vila Praia de Âncora, é considerada essencial para a segurança de pessoas e embarcações.

Miguel Alves, Presidente da Câmara Municipal de Caminha, refere que “é com satisfação que constatamos que o Governo está a cumprir com os pescadores e com Vila Praia de Âncora. No ano passado fez-se a maior dragagem de sempre no Portinho, tendo sido retirados mais de 100 mil metros cúbicos (m3) de areia que foram utilizados para enchimento dos geocilindros colocados como alicerce natural da Duna dos Caldeirões. Há poucos dias, percebemos que o estudo de reconfiguração do ‘layout’ do Portinho estava efectivamente a avançar. Agora, constatamos que as dragagens de manutenção comprometidas até 2023 vão, de facto, acontecer”.

Há precisamente um ano (26 de Julho de 2021) o então Ministro do Mar, Ricardo Serrão Santos, deslocou-se a Vila Praia de Âncora para testemunhar a assinatura do Contrato Plurianual de Dragagens dos Portos do Norte que assegurava dragagens para 2022 e 2023, com quantidades de areia a retirar do Portinho que, globalmente, rondavam os 80 mil metros cúbicos (m3) .

De acordo com o Plano de Dragagens com bacias e cotas a atingir na presente operação, prevê-se que possam ser retirados 30 mil m3 de sedimentos na zona do Portinho, aliviando as dificuldades sentidas pelos pescadores profissionais e desportivos.
Entretanto está a decorrer o estudo de reconfiguração do Portinho de Vila Praia de Âncora.

fonte