Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Porto de Leixões testa software de Inteligência Artificial AllRead

A APDL – Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo, S.A., em parceria com a ALLREAD Machine Learning Technologies, startup especializada em software de visão computacional, iniciativa do Centro de Visão por Computador da Catalunha (Universidade Autónoma de Barcelona) e do programa The Collider (Mobile World Capital Barcelona), testou com sucesso, no Porto de Leixões, um software de inteligência artificial.

A partir de uma colaboração em modo piloto, o Porto de Leixões instalou o software da AllRead, para realização da leitura de contentores do tipo BIC e contentores-tanque, que circulam pelos diferentes acessos da área portuária, para processar imagens e vídeos com texto e códigos, e extrair apenas a informações desejada, fornecendo leituras com até 90% de precisão e com integrações em tempo real aos seus sistemas.

Toda esta rastreabilidade foi possível de ser realizada utilizando apenas uma câmera instalada em cada acesso, evitando assim os altos custos de hardware e implementação, que outras soluções tradicionais de OCR (Optical Character Recognition) exigem. Além de obter métricas superiores a outras soluções, com pouco uso de hardware, com a solução de leitura AllRead, a APDL tem a possibilidade de trazer uma solução de leitura ágil e não intensiva em CAPEX para outros acessos do Porto de Leixões.

A APDL e a AllRead MLT irão ainda colaborar num projeto de setup para 5 acessos adicionais no Porto de Leixões, que permitirão obter a rastreabilidade das placas de veículos, contentores e comboios, em locais que até então não eram possíveis, no sentido de agilizar e desmaterializar processos e, consequentemente, melhorar a rapidez e a eficácia das operações portuárias e fluxos logísticos como um todo.

A implementação da tecnologia AllRead MLT faz parte do compromisso e aposta da APDL com a inovação e digitalização.