Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Empresa do Dubai desenvolve sistema que promete agilizar armazenamento e transporte de contentores

A DP World, uma operadora portuária sediada no Dubai, desenvolveu uma inovação que permite economizar tempo e espaço, noticia a ‘CNN’.

A tecnologia, que está a ser testada no porto de Jebel Ali, visa agilizar, melhorar e automatizar a maneira como os contentores são armazenados, transportados e entregues.

Por norma, os contentores que aguardam o transporte nos principais portos são empilhados uns sobre os outros com seis ou sete de altura, até serem levados para navios por guindastes. Além de ocupar muito espaço, essa abordagem significa que localizar e pegar a caixa certa pode ser demorado.

E é precisamente esse constrangimento de espaço e tempo que a DP World promete solucionar.

“BoxBay” é um sistema de armazenamento que empilha contentores de 11 andares numa estrutura de aço. Normalmente, quando os contentores são empilhados uns sobre os outros nos portos, é necessário mover os que estão acima para movimentar os que estão por baixo.

De acordo com a DP World, o BoxBay – desenvolvido em parceria com a empresa de logística alemã Amova -, permite que os guindastes recolham os contentores sem a necessidade de reorganizar os que estão por cima.

O sistema é automatizado mas, no caso de falhar por qualquer motivo, um engenheiro poderá assumir o controlo do BoxBay a partir de sala criada para o efeito perto do porto.

“Economizamos cerca de 60 a 70% do tempo”, explicou Patrick Bol, chefe de expansão portuária e projetos especiais da DP World, em declarações à CNN.

De acordo com o mesmo responsável, “os custos iniciais são altos”, mas o “valor será recuperado”, além de que “o custo de manutenção é muito menor e requer menos pessoas para operar.”

Peter de Langen, um professor de economia marítima na Copenhagen Business School sem qualquer ligação à BoxBay reconhece as vantagens do sistema, mas aponta alguns obstáculos para uma adoção mais ampla: “Essa tecnologia é parte de uma mudança mais ampla para a automação que reduz o emprego nos terminais”.

Nas palavras de Sultan Ahmed bin Sulayem, presidente e CEO da DP World, o projeto piloto no Dubai está a mostrar resultados encorajadores em termos de economia de tempo e espaço, prevendo que a BoxBay venha a ser instalada em alguns dos portos mais movimentados do mundo.

“O nosso objetivo é eliminar todas as ineficiências do setor”, justificou o executivo.

fonte