Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Yilport Setúbal:

Serviço de inspecção fitossanitária aumenta «atractividade» do porto sadino

Após alguns meses a desenvolver o projecto, em cooperação com a Autoridade Portuária de Setúbal, a Alfândega e a operadora Tersado, a Yilport Setúbal está agora em condições de fornecer aos seus clientes «scanner e serviços de inspecção fitossanitária no Posto de Inspecção Fronteiriça».

Através de um investimento optimizado e beneficiando de área comum e equipamento no porto sadino, a Yilport Setúbal e a Tersado – Terminais Portuários do Sado, (que gere o Terminal Multiusos Zona 1 do Porto de Setúbal) podem agora fornecer os serviços exigidos para exportar e importar mercadorias – nomeadamente frutas e vegetais refrigerados em contentores reefer – assim procedendo à «expansão da atractividade do terminal».

«A Yilport Setúbal desenvolve-se assim tornando-se um terminal de serviço completo», assinalou a holding turca, através da sua revista. Recorde-se que o Porto de Setúbal tem apostado, consistentemente, em novos recursos tecnológicos para monitorizar e controlar, de forma mais eficiente e eficaz, as cargas que passam pela infra-estrutura sadina. Em Maio passado, tal como a Revista Cargo noticiou, o porto sadino desvendou novo passo na «melhoria das condições de utilização do scanner móvel de inspecção de contentores», adquirido, em parceria com a Administração Tributária.

À data, a administração portuária explicou que tal passo visava «optimizar as operações de controlo da Alfândega nos principais terminais multiusos, permitindo uma maior eficiência e uma melhor produtividade, reduzindo tempos de espera e deslocação para a utilização deste serviço». A utilização de tal scanner móvel permite à Administração Tributária, com recurso a tecnologia não invasiva através de radiações, verificar o conteúdo dos contentores previamente seleccionados, sem necessidade de proceder à sua abertura.

Tal projecto, recorde-se, estava em fase de implementação, contando com o apoio dos operadores dos terminais multiusos da Tersado e da Sadoport e da Alfândega de Setúbal e estipulava a criação de uma área coberta para a operação dos camiões que transportam os contentores.

fonte