Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

2ª Reunião de Seguimento da XXXI Cimeira Luso-Espanhola sobre Ligações Transfronteiriças Ferroviárias

O Secretário de Estado das Infraestruturas de Portugal, Jorge Moreno Delgado, e o Secretário de Estado dos Transportes Mobilidade e Agenda Urbana de Espanha, Pedro Saura Garcia reuniram por videoconferência na quarta-feira, dia 17 de fevereiro, para fazer um ponto de situação das ligações ferroviárias entre os dois países e coordenar as ações para o seu desenvolvimento.

Este é o segundo encontro bilateral que mantêm para dar seguimento aos acordos adotados na XXXI Cimeira Luso-Espanhola, ocorrida na Guarda em outubro de 2020. A primeira reunião, que teve lugar no dia 20 de Janeiro, centrou-se no transporte e infraestruturas rodoviárias.

Voltou a constatar-se a boa relação de trabalho que existe entre os dois ministérios.

Nesta ocasião, foi decidida a criação de um fórum que se reúna regularmente para intensificar a coordenação no planeamento da rede e serviços ferroviários,

Também se abordaram temas como a definição de objetivos comuns para a evolução dos tempos de viagem nos principais corredores ferroviários internacionais, pontos de acordo relativamente ao atual processo de revisão das Redes Transeuropeias de Transportes (TEN-T), ou a coordenação de ações para assegurar a interoperabilidade da rede ibérica em matérias como a eletrificação, comprimento de comboios, sistemas de sinalização e bitola.