Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Equipamentos de Protecção Individual adquiridos pela DGRM começaram a ser distribuídos

Foi iniciada em Peniche, a 20 de maio, a distribuição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) pelos profissionais da pesca.

Estes EPI foram adquiridos com base no Despacho n.º 5125/2020 do Ministro do Mar, que determinou a aquisição pela DGRM de equipamentos, materiais de proteção individual e de desinfeção para os trabalhadores do setor da pesca, bem como desenvolver as ações necessárias à divulgação de informação relativa ao correto uso dos equipamentos e materiais de proteção individual.

Acompanharam esta ação o Ministro do Mar, Dr. Ricardo Serrão Marques, o Secretário de Estado da Saúde, Dr. António Sales, o Secretário de Estado das Pescas, Dr. José Apolinário, o Diretor-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, Engenheiro José Simão, e o Chefe do Estado-Maior do Comando Conjunto para as Operações Militares, Tenente-general Paulino Serronha.

O EPI adquirido é constituído por 350.000 máscaras de proteção, 7.000 viseiras e cerca de 15.000 litros de solução antissética de base alcoólica, estando agora programada a sua distribuição por todos os portos do continente. No referido despacho é realçado, que a utilização adequada do equipamento de proteção individual (EPI) por todos os agentes da cadeia de produção, transporte, distribuição e abastecimento no âmbito das pescas, aquicultura e transformação constitui requisito fundamental e indispensável ao exercício daquelas atividades em condições de segurança e integridade física, sem prejudicar a continuidade da atividade de abastecimento alimentar.