Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

ONE emite primeiro Conhecimento de Embarque Eletrónico

A Ocean Network Express (ONE) e a essDOCS, principal facilitador de soluções comerciais sem papel, anunciaram o primeiro Conhecimento de Embarque Eletrónico, negociável (eB/L) providenciado pela ONE através da solução de documentos sem papel da essDOCS — CargoDocs.

Em comunicado, a ONE explica que selecionou a essDOCS para impulsionar a sua próxima iniciativa de digitalização de Conhecimento de Embarque, iniciando trabalhos que irão usar as capacidades da plataforma CargoDocs para partilhar, rever e aprovar os projetos de Conhecimento de Embarque e as guias de remessa marítimas (em papel ou eletrónicas) online para todos os clientes nível mundial.

A ONE iniciou o Conhecimento de Embarque Eletrónico (electronic bill of lading) da CargoDocs para um carregamento de borracha sintética em contentor da Rússia para a China. A transação envolveu a SIBUR International GmbH como expedidor e a SIBUR International Trading (Xangai) como destinatário final, tendo a Novo Orient Agency atuado como agente portuário de carga na Rússia, a SIPG Logistics como agente da SIBUR no porto de descarga na China e a UNISCO como agente associado da ONE.

Na próxima fase do projeto, a ONE permitirá aos clientes a utilização de Conhecimento de Embarque Eletrónico numa base regional e, subsequentemente, mundial, a partir do segundo trimestre de 2020, como parte das iniciativas ONE eCommerce destinadas a proporcionar uma experiência digital melhorada aos clientes.

A companhia marítima recorda ainda que, juntamente com a essDOCS, iniciou trabalhos num projeto de digitalização da linha de contentores B/L de revisão, edição e/ou processo de aprovação, utilizando a capacidade de redação colaborativa globalmente disponível da CargoDocs. O projeto proporcionará um fluxo de dados contínuo entre o CargoDocs e o portal de comércio eletrónico dos clientes da ONE, bem como formulários TMS internos, potenciando uma solução global que eliminará a reentrada de dados e permitirá reduzir os erros nos conhecimentos de embarque e nas cartas de porte marítimo, assim como o tempo de entrega dos documentos de transporte. A solução combinada permitirá ainda a todos os clientes da ONE a nível mundial imprimir B/L’s da internet ou receber B/L’s eletrónicos originais do ONE eCommerce numa única plataforma.

Richard Hiller, Global Head of Sales, Customer Service and Documentation ONE, acredita que "acelerar o esforço de digitalização da ONE é a chave para abordar ativamente os pontos mais críticos dos nossos clientes, tais como os tempos de espera para a emissão de Conhecimento de Embarque Eletrónico. A essDOCS tem uma longa história e experiencia comprovada de digitalização de processos de papel e de ligação entre os participantes da cadeia de fornecimento, ao mesmo tempo que navega nas realidades de uma indústria comercial fragmentada e complexa. A nossa colaboração permitirá à ONE fornecer aos clientes melhores níveis de serviço através da digitalização”.

fonte