Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Laboratório de Ciências do Mar vai nascer em Sines

A Universidade de Évora (UÉ) e a Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS) assinaram quarta-feira, 15, em Sines, o acordo que permitirá o avanço do novo espaço do Laboratório de Ciências do Mar da UÉ (CIEMAR). Para tal, as duas entidades irão estabelecer um contrato de concessão de uso privativo de uma parcela de terreno do domínio público, localizada a norte do cabo de Sines, onde serão construídas as novas instalações do CIEMAR.

O projecto do CIEMAR tem finaciamento através do programa Alentejo 2020 e representa, segundo fonte da UÉ, "um novo impulso ao desenvolvimento das ciências do mar, e em particular na costa alentejana, tanto nas áreas da investigação científica e inovação, como do desenvolvimento tecnológico e da transferência de conhecimento a empresas e outras entidades do sector, além do apoio ao ensino superior e à promoção da cultura científica".

Segundo a mesma fonte, o CIEMAR tem funcionado em Sines desde 1990, "em instalações provisórias cedidas pela autarquia, e que são actualmente insuficientes para desenvolver os diversos projectos de investigação científica em curso e as actividades de ensino superior e formação especializada", bem como "alargar o âmbito da sua acção em áreas de ponta da Universidade como a biodiversidade, a geofísica, as geociências, as ciências do património e a inteligência artificial".

A UÉ acrescenta que o CIEMAR conta com a colaboração e apoio da Câmara de Sines e da APS, envolvendo membros do MARE-Centro de Ciências do Mar e do Ambiente e do Instituto de Ciências da Terra, sendo uma unidade inter-departamental de investigação, ensino e prestação de serviços que tem como objectivo "promover e executar actividades científicas, pedagógicas e culturais destinadas à melhoria do conhecimento do ambiente marinho, à inovação, ao desenvolvimento tecnológico e à utilização sustentável dos recursos marinhos, dando especial atenção à região costeira do Alentejo e à restante plataforma continental adjacente".

fonte