Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Funchal quer mais competências na gestão marítimo-portuária e nas áreas de frente mar

A requalificação do Cais do Carvão foi uma das intervenções que vai permitir trazer valor acrescentado à Estação de Biologia Marinha do Funchal, através de ações de promoção do património cultural marinho, refere a autarquia.

O vice-presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Gouveia, releva o papel que o município tem tido na internacionalização da economia do mar na Madeira, através do desenvolvimento de projetos de interesse ambiental e económico como por exemplo a requalificação do Cais do Carvão. O autarca mostrou ainda disponibilidade para a autarquia ter um papel de maior relevo na gestão marítimo-portuárias e nas áreas de frente mar.

O autarca destacou ainda o trabalho que tem sido feito no Funchal em áreas como a investigação científica e ainda o investimento na educação e na sensibilização, liderado tanto pelo Departamento de Ciência da autarquia como pela Estação de Biologia Marinha do Funchal, durante uma conferência organizada pela PricewaterhouseCoopers (PwC).

A requalificação do Cais do Carvão foi uma intervenção que vai permitir trazer “valor acrescentado” para a Estação de Biologia Marinha do Funchal, através do desenvolvimento de acções de promoção do património cultural marítimo, defendeu o vice-presidente da autarquia.

Para o autarca as entidades públicas têm “deveres e responsabilidades”, na economia do mar, através da promoção do conhecimento, uma áreas onde Miguel Gouveia considera que o Funchal está “na linha da frente”.

fonte