Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

4,4 milhões de euros para investir em dragagens no Algarve

O Governo pretende investir em 2019 cerca de 4,4 milhões de euros em obras de dragagem nos portos de pesca e de recreio do Algarve. No total, serão concretizadas sete intervenções na região.

Segundo está programado, nos primeiros três meses de 2019 serão investidos 340 mil euros em dragagens de manutenção em Faro, 150 mil em Santa Luzia (concelho de Tavira) e 200 mil em Lagos.

No decurso do primeiro semestre vai ser executada a dragagem da barra e canal de navegação de Alvor, com um custo de quase 2,5 milhões de euros, enquanto na segunda metade de 2019 avançarão as obras de desassoreamento em Tavira.

Ainda por definir está o calendário da intervenção no troço do rio Guadiana entre Alcoutim e Pomarão, que aguarda ainda a validação pelas autoridades espanholas.

O investimento atinge os 870 mil euros.

PORMENORES
Areia reforça praia
A areia que vai ser retirada da ria de Alvor vai ser usada para reforçar o areal da parte nascente da praia de Alvor. Há quase uma década que os pescadores exigem o desassoreamento da ria, alegando que as embarcações de maior dimensão já não conseguem navegar na maré está vazia.

Ministério do Mar
A listagem das obras previstas para o Algarve foi revelada pelo Ministério do Mar, numa resposta por escrito a um requerimento do deputado Paulo Sá (PCP), a que o CM teve acesso.

fonte