Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

UNCTAD ALERTA:

Portos devem estar preparados para alterações climáticas

O alerta é da UNCTAD – Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento: os portos à escala global devem ser preparados para os inúmeros e gigantes desafios que serão colocados pelas alterações climáticas.

No mais recente encontro global para o clima do COP24, realizado na cidade polaca de Katowice, Regina Asariotis, Chefe de Políticas e Legislação da UNCTAD vincou que o comércio global está em risco se os portos não se tornarem «à prova das alterações climáticas». «As áreas mais atingidas, as zonas costeiras, trarão efeitos para todos nós, já que a maior parte do comércio mundial é feita por navio», recordou, acrescentando que os portos de todo o mundo estão muito expostos ao impacto potencial das alterações climáticas.

«Mudanças no nível da água do mar, na temperatura, na humidade, na precipitação ou tempestades extremas, inundações e outros factores climáticos provavelmente vão afectar os portos marítimos, bem como toda rede de infraestrutura de transporte conectada global. Entender os impactos e desenvolver medidas de adaptação eficazes é fundamental», alertou a responsável do organismo das Nações Unidas.

Recorde-se que o 9.º “Sustainable Development Goal” das Nações Unidas já apela a comunidade global para a necessidade de construção de infraestruturas resilientes.

fonte