Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Açores receberam mais 41% de passageiros de cruzeiros no primeiro semestre de 2018

Os portos açorianos registaram, nos primeiros seis meses do corrente ano, novos máximos resultantes do movimento de navios de turismo. Quando comparado a período homólogo de 2017, esta situação representou aumentos na ordem dos 41% para o número de passageiros - 80 mil para 112 mil - e de 37,5% relativamente a tripulações, 36 mil para 50 mil. Também ao nível das escalas se verificou um aumento de 95 para 97, ou seja, de 2%. A atratividade do destino, o posicionamento nas rotas transatlânticas e a cada vez maior afirmação no Corredor Atlântico têm sido fatores determinantes e que justificam o crescendo.

São Miguel, com 51 escalas, foi a ilha mais visitada e também com mais passageiros, 86 mil. Com 14 mil passageiros e 14 escalas, a ilha Terceira foi a segunda com mais movimento, quedando-se a ilha do Faial no terceiro posto, embora com mais escalas, no caso 18, registou menos passageiros, 10,5 mil. Apesar do habitual realce que estas três ilhas assumem, todas as ilhas açorianas, com especial saliência para São Jorge, receberam navios de turismo durante o período em análise.

Como já vem sendo habitual, abril foi o mês em que os portos açorianos registaram maior número de visitas, num total de 40, ou seja 41% do total semestral. O mercado britânico continuou a liderar o top das nacionalidades que mais nos visitaram durante aquele período, com mais de 50% dos passageiros. Estados Unidos da América e Alemanha foram também mercados emissores de referência para o contexto açoriano.

Inevitável destaque para o Porto de Ponta Delgada, que recebeu a 23 de abril cinco de navios de cruzeiros no mesmo dia, e quatro no dia seguinte, situação que resultou num novo máximo de visitantes, nos Açores, em apenas 24 horas. Estas dinâmicas possibilitaram que a Região, em menos de quatro meses, tenha dado as boas vindas a mais de 100 mil passageiros, quando noutras épocas esta situação só se tinha verificado nos últimos meses dos respetivos anos.

Na primeira metade de 2018, oito navios de cruzeiro efetuaram escalas inaugurais nos Açores. Neste particular, destacaram-se o MSC Preziosa, Norwegian Breakaway e Norwegian Bliss, os dois últimos em exclusivo nacional.

A Portos dos Açores S.A. estima que até ao final do ano se concretizem mais 47 escalas, escalas essas que devem movimentar mais de 90 mil visitantes, entre passageiros e tripulações.