Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

COM PROJECTOS MARÍTIMOS INOVADORES

Ílhavo pretende consolidar a designação de «Capital Portuguesa do Bacalhau»

Mesmo com a chamada crise, o executivo de Ílhavo deve ser dos municípios que mais obras tem no terreno, juntamente com entidades parceiras, garante ter mais de 20 milhões de euros de projetos em curso. Entre eles, o presidente da Camara Municipal, Fernando caçoilo destaca a remodelação do Museu da Vista Alegre, a aposta em zonas industriais e no Parque de Ciência e Inovação (PCI) — um projecto desenvolvido em parceria com várias entidades, entre as quais a Universidade de Aveiro — e o reforço da marca e identidade deste território como a “Capital Portuguesa do Bacalhau”, através do Museu Marítimo, do Aquário dos Bacalhaus e do Festival dó Bacalhau.

De acordo com o autarca, a remodelação do Museu da Vista Alegre ascende a três milhões de euros à qual está também associada a requalificação do Teatro da Vista Alegre, evidenciando aqui uma clara aposta na componente cultural. Neste Município, a tradição e a inovação encontram-se em perfeita simbiose evidenciada pelo projecto “âncora” que é o Parque de Ciência e Inovação, “em que somos parte ativa, trata-se de um projeto de 35 milhões de euros para o qual, neste momento, a autarquia está a construir a via de acesso ao parque que será o grande poio de inovação, das novas tecnologias, capaz de contribuir para que a região dê um salto qualitativo não só pela fixação de empresas de base tecnológica mas também pela captação e formação de quadros altamente qualificados”.
 

continue a ler aqui