Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

ADFERSIT defende importância de seguir Espanha e evitar isolamento ferroviário

Em comunicado, a ADFERSIT recorda que em Espanha tiveram início, este domingo, "as ligações ferroviárias diretas de alta velocidade para passageiros entre grandes cidades de Espanha e França (Madrid, Barcelona, Toulouse, Marselha, Lion e Paris), alertando para a necessidade de Portugal seguir o mesmo caminho de forma a evitar o "isolamento ferroviário".

"Até há muito pouco tempo as redes ferroviárias da península ibérica eram ilhas ferroviárias, devido às diferenças entre as bitolas (distância entre carris) ibérica e europeia. Hoje tanto os comboios de passageiros como de mercadorias de bitola europeia podem cruzar a fronteira franco-espanhola do lado do Mediterrâneo, através do túnel Pertús (inaugurado em 2010), por uma linha mista (apta para tráfego de comboios de mercadorias e comboios de alta velocidade de passageiros), de bitola europeia, prevendo-se que o mesmo passe a suceder na fronteira do lado do Atlântico em 2016", refere a ADFERSIT no comunicado, concluindo que "Espanha está a vencer o isolamento ferroviário e a reforçar a sua integração na Europa, melhorando a competitividade das suas ligações aos
mercados europeus e desta forma a competitividade da sua economia".

Nesse sentido, a Associação liderada por Mário Lopes (na foto) deixa várias questões: Será que os nossos Governos ao mesmo tempo que dizem querer promover as exportações, vão continuar a fazer o contrário ao nível das infraestruturas de transporte? Vamos continuar sem ligações ferroviárias diretas aos mercados europeus, mantendo o transporte terrestre de mercadorias na dependência da rodovia?".

A concluir, a ADFERSIT refere que existem apenas dois caminhos: ou "construir a rede ferroviária de bitola europeia" ou continuar na "política de 'ilha ferroviária'" que, defende, "só nos conduzirá ao isolamento e ao empobrecimento".

fonte