Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

CLUSTER DO MAR

Novos desafios na exportação de conservas de peixe

As conservas de peixe são um produto mundialmente associado a Portugal, com mercados ganhos ao longo de décadas, com um tecido empresarial que domina a cadeia de valor do produto, os circuitos de produção e comercialização, o posicionamento estratégico nos diversos mercados e a concorrência. Sendo um produto essencialmente virado para a exportação as empresas portuguesas detêm marcas de referência nos principais mercados, ou garantem a produção, a partir de Portugal, de marcas desses mercados. A título de exemplo, a conceituada marca John West, líder do mercado britânico nas conservas de sardinha e cavala, é produzida por uma fábrica em Peniche, propriedade de MWBRANDS. São também produção da indústria portuguesa as principais marcas comercializadas na Áustria, Benelux, França, Brasil e Venezuela, só para citarmos alguns dos Países de destino.

Com um Know How de larga tradição – as primeiras conservas de sardinha em azeite terão saído de Setúbal para a Exposição de Paris em 1855, com a primeira fábrica nesta Cidade fundada em 1885, enquanto que, nas conservas de atum, a primeira unidade terá sido fundada no ano de 1865 em Vila Real de Santo António. Pode dizer-se que o futuro desta indústria continua nas mãos e atividade dos portugueses.

Com efeito, a consolidação da internacionalização das conservas de peixe, em especial na sardinha e cavala, dependerá desde logo de uma gestão sustentável dos recursos piscícolas, dada a quase total dependência dos stocks necessários para a indústria, a fundamentar uma supervisão permanente das relações produção/indústria, quiçá no limite, em situação de emergência, podendo mesmo justificar alguma verticalização para garantir o abastecimento da indústria.

continue a ler aqui

TEJO VIGNETTE - GALERIA DE 120 FOTOS







Artigos relacionados:

  • A NAVALRIA numa perspectiva temporal
  • As ligações marítimas entre as ilhas da Madeira e do Porto Santo
  • GRUPO PORTUCEL - Exportar com Valor
  • A internacionalização da Economia é uma questão estratégica para o País
  • O transporte de combustíveis na Região Autónoma dos Açores
  • Análise do Mercado de Transporte Marítimo (Julho-Agosto 2012)
  • Exportar mais e melhor
  • Cluster do Mar - Aposta de Futuro
  • O «Cluster» do Mar Português - A Nova Boa Esperança
  • Análise do Mercado de Transporte Marítimo (Maio-Junho de 2012)
  • Sines é Muito Mais do que um Terminal de Contentores
  • Um mar de oportunidades
  • Novos desafios na exportação de conservas de peixe
  • Ainda o desafio do Mar
  • A internacionalização da economia do Mar
  • A ENIDH no Cluster do Mar
  • Um Cluster Marítimo em Portugal
  • Uma mulher ao leme!
  • Competitividade, Portos e Caminho‑de‑Ferro
  • JUP Uma janela de oportunidade
  • PSA Sines - Integrando Portugal nas principais cadeias logísticas mundiais
  • Ferrovia é fundamental para a competitividade do Porto de Sines
  • Porto de Setúbal: Alargar o hinterland
  • O Senhor MSC Portugal
  • Impacto do Turismo de Cruzeiro
  • «Cluster do Mar» na web
  • Conferência «Economia do Mar» e lançamento da revista «Cluster do Mar»