Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.

Janela Única Logística

Notícias

COSTA CONCORDIA

Simbolismo e comoção na cerimónia do primeiro aniversário da tragédia

Sobreviventes e familiares de vítimas do naufrágio do Costa Concordia lembraram este domingo na ilha de Giglio, em Itália, o primeiro aniversário da tragédia, tendo como pano de fundo o próprio navio, que continua encalhado no mesmo local onde afundou parcialmente.

Algumas daquelas pessoas que viveram de perto o naufrágio na fria noite de 13 de janeiro de 2012 voltaram à pequena ilha italiana para homenagear os 30 mortos e dois desaparecidos.

Os simbolismos e a comoção marcaram os atos, começando pela devolução ao mar, com uma placa comemorativa, de parte das rochas contra as quais a quilha da embarcação se chocou às 21h45 locais daquela noite, quando transportava mais de 4.200 pessoas.

Um dos momentos de maior destaque foi a cerimônia religiosa oficiada pelo bispo de Grosseto, Guglielmo Borghetti, na mesma pequena igreja de San Lorenzo e Mamiliano que acolheu os sobreviventes e na qual estiveram presentes hoje também o ministro do Meio Ambiente, Corrado Clini, e o chefe da Defesa Civil, Franco Gabrielli.

Em presença também de diplomatas de vários países (os passageiros eram de diversas nacionalidades), o bispo lembrou as vítimas e reconheceu a "generosidade" dos moradores da ilha, muitos dos quais trabalharam no resgate, informou a imprensa italiana.

O ato central deste domingo é o das 21h45 (19h45 de Brasília), com um minuto de silêncio em homenagem às vítimas e o lançamento ao mar de 32 lanternas acesas no horário exato do acidente.

Os restos do navio, de propriedade da companhia Costa Cruzeiros, seguem encalhados em frente à ilha e cercados de grandes estruturas de metal para permitir uma remoção que atrasou nos últimos meses e deverá terminar em setembro.

Essa tarefa, encarregada ao consórcio ítalo-americano Titan-Micoperi, conta com o trabalho de 430 pessoas de 19 nacionalidades, entre operários e engenheiros, e custará no total US$ 100 milhões.

"O objetivo é o de levantar o casco, instalando um material flutuante sob a quilha, de modo que possa ser transportado como uma balsa inflável", explicou o engenheiro Carlo Femiani em entrevista publicada hoje pelo jornal "La Stampa".

Por sua vez, o ministro de Meio Ambiente afirmou que o navio tem que ser levado ao porto de grandes dimensões mais próximo à ilha para seu posterior desmonte, previsivelmente ao de Piombino, na Toscana.

"Temos que agir rápido, mas temos que fazê-lo bem. Estamos estudando medidas para aliviar o peso do navio de modo que possa ser levado ao porto mais próximo", disse Clini.

O representante do governo do demissionário primeiro-ministro Mario Monti também pediu que sejam punidos os responsáveis em processo que, por enquanto, tem 12 investigados, entre eles o capitão da embarcação, Francesco Schettino.

"Os responsáveis - disse - terão que ser punidos com dureza. Não cabe nenhuma compreensão para quem se equivocou, começando pela companhia. Acho que todos aprendemos com este assunto que a superficialidade e a incompetência às vezes é subvalorizada, e é um dos piores riscos que pode haver".

Também foram à ilha de Giglio neste domingo representantes das famílias dos dois desaparecidos, Russel Rebello e Maria Grazia Trecarichi, assim como Gregorio de Falco, o capitão da Guarda Costeira transformado em herói pela já famosa conversa na qual exigia a Schettino que voltasse a bordo do cruzeiro.

fonte
 

















Artigos relacionados:

  • Destroços do «Costa Concordia» removidos em Setembro
  • «Costa Concordia» naufragou há um ano
  • Costa Concordia ainda incomoda ilha italiana meio ano após naufrágio
  • Caixa negra do Costa Concordia estava avariada
  • Comandante deve ficar preso por ser pouco fiável
  • Destroços do «Costa Concordia» serão retirados até Fevereiro de 2013
  • Indemnização de dois milhões de euros para franceses que viajavam no Costa Concordia
  • O acidente do Costa Concordia poderá transformar-se num desastre ecológico?
  • Cruzeiro Costa Concordia poderá levar um ano a ser retirado
  • Encontrados mais cinco corpos no Costa Concordia
  • Três responsáveis da companhia Costa suspeitos do naufrágio do «Concordia»
  • Costa Cruzeiros navega em plena tempestade financeira
  • Comandante do «Costa Concordia» foi herói no mar da Madeira
  • Mais oito corpos encontrados nos destroços do Costa Concordia
  • Guarda costeira italiana pediu ajuda a Portugal
  • «A experiência trágica do Titanic revelou que há um Direito das catástrofes»
  • Há quem faça comparações entre os dois naufrágios
  • Capitanes valientes, o no
  • «Sim, eu amo-o», confessou a mulher que foi vista com o comandante do Costa Concordia
  • «Está a ser a ultimado um plano integrado de salvamento marítimo para a Região»
  • Cada sobrevivente do Costa Concórdia vai receber 14 mil euros
  • Royal Caribbean passa a fazer exercícios de evacuação antes das partidas
  • Comandante do Costa Concordia: «Quando me apercebi de que o navio estava inclinado, fui-me»
  • A rota seguida pelo COSTA CONCORDIA
  • Vídeo promocional mostra o interior do Costa Concordia
  • Tragédia do COSTA CONCORDIA
  • «COSTA CROCIERE» mobiliza batalhão de 1.100 pessoas para gerir a crise
  • Intensificam-se as operações para extrair combustível do «Costa Concordia»
  • Navio afundado atrai enxurrada de turistas à ilha de Giglio
  • Imagens mostram buscas no fundo do mar, onde navio naufragou
  • Mercado português dos cruzeiros incólume após acidente do Costa Concordia
  • Veja a Ilha de Giglio em directo
  • Encontrado disco rígido do Costa Concordia que poderá esclarecer as causas do naufrágio
  • Lei não obriga capitão a ficar no navio, dizem especialistas
  • Bilhetes para uma nova viagem à venda dois dias após o naufrágio
  • Encontrado mais um cadáver, balanço do naufrágio sobe para 12 mortos
  • Especialistas avaliam se Costa Concordia deve ser consertado ou desmontado
  • «CONCORDIA - O comandante cobarde»
  • Histórias trágicas de um naufrágio
  • Quem comanda o navio?
  • No mar também se sai da estrada
  • Como é possível?
  • Último filme de Godard foi rodado no «Costa Concordia»
  • «Volta para bordo, porra!»
  • Dominika, a bailarina que defende o comandante
  • «Não fumo, não bebo, não me drogo»
  • Oficial que repreendeu comandante de navio vira herói em Itália
  • T-shirts com a frase «Volte a bordo, c!» à venda em Itália
  • Familiar de vítima do Titanic sobrevive a naufrágio do Costa Concordia
  • Portugueses reprogramam férias em cruzeiros
  • Titanic italiano afunda acções da Carnival
  • Tamanho de navios dificulta resgate em naufrágios
  • ONU equaciona mudar regra marítima após naufrágio na Itália
  • Juíza argentina de 72 anos nadou para escapar de naufrágio
  • Antonello Tievoli, protagonista involuntário da tragédia
  • Medo de uma «bomba ecológica» faz a ilha de Giglio tremer
  • Ouça o telefonema polémico do comandante do Costa Concordia
  • Uma hora de grande tensão transcrita na íntegra
  • Marido salvou Nicole Servel antes de desaparecer
  • Tripulação vestiu coletes antes dos passageiros
  • Mulher estava numa caixa de magia durante naufrágio
  • As últimas horas a bordo do Concordia
  • Comandante do Costa Concordia colocado em prisão domiciliária
  • Cronologia dos principais acidentes marítimos desde o Titanic
  • Sobe para cinco número de mortos em acidente do Costa Concordia
  • «Parece-me óbvio que foi um enorme erro humano», diz ministro italiano
  • Detido comandante do navio que naufragou
  • Onze portugueses estavam a bordo do navio que encalhou
  • Sobreviventes do «Costa Concordia» escapam em salva-vidas
  • Conselho Europeu de Cruzeiros anuncia investigação «completa e exaustiva» do naufrágio
  • Carnival expressa «profunda tristeza» pela «terrível tragédia»
  • Costa Concordia, um palácio flutuante
  • Passageiros portugueses criticam comandante
  • Os piores naufrágios ocorridos na Europa, nos últimos 20 anos
  • Costa Concordia embateu no cais do Porto de Palermo
  • Tragédia às portas do paraíso