Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




MÚSICAS DE VERÃO

«O Beijo do Sol», de Pedro Osório

Músicas de Verão, para ouvir na praia; canções evocando o mar, os prazeres do sol mais forte, o agito que rima com as noites quentes…, baladas para quem gosta de entardecederes tranquilos.
Destaque para "O Beijo do Sol", de Pedro Osório.
 

FERNANDO PESSOA

Olhando o mar, sonho sem ter de quê

Olhando o mar, sonho sem ter de quê.
Nada no mar, salvo o ser mar, se vê.
Mas de se nada ver quanto a alma sonha!
De que me servem a verdade e a fé?

MARIA KEIL - 1914-2012

A artista que não esqueceu o mar nas suas obras

A artista plástica Maria Keil, 97 anos, autora de vários painéis de azulejos das primeiras estações do metropolitano da capital, morreu este domingo em Lisboa. Afirmava-se como “uma artista”: pintora, desenhadora, ilustradora, decoradora de interiores, designer gráfica e de mobiliário, ceramista, cenógrafa e figurinista, autora de cartões para tapeçaria “e, sobretudo, de composições azulejares”.

WESTON-SUPER-MARE, INGLATERRA

Festival anual de esculturas de areia

Já abriu ao público a 7.ª edição do festival de esculturas na areia de Weston-Super-Mare, Inglaterra. Criadas por artistas internacionais sobre o tema "Jogos e Diversão", as esculturas ficarão expostas durante todo o Verão.

Porto de Aveiro visto pelas crianças

Vídeo com 18 desenhos da autoria de alunos da E.B. 1 da Marinha Velha. Trabalhos efectuados após visita de estudo ao Porto de Aveiro a 27 de Setembro de 2007. Os desenhos, acompanhados de algumas redacções, encontram-se também disponíveis em formato powerpoint, aqui

Criatividade pesca sardinhas para servirem de mala e de pulseira

Uma sardinha a defender a mobilidade pelas sete colinas por bicicleta e outras duas com símbolos da gastronomia portuguesa foram as escolhidas. Mas outras sardinhas não são esquecidas, como a que foi recortada num xaile preto habitualmente usado pelas fadistas e que com uma corrente, um botão dourado a fazer de olho e um fecho de filigrana se tornou numa mala de colocar ao ombro.
Há ainda a sardinha que se transformou numa pulseira e à qual nem falta a peça de metal como se fosse uma lata de conservas ou a pregadeira que é uma canastra de peixes e que se percebe como é pequena ao ficar escondida na mão fechada.

ANOS 20-30

A Publicidade e as Artes Gráficas

Uma das manifestações mais emblemáticas deste fascínio pela máquina observou-se nas artes gráficas. Cartazes publicitários e capas de revista exprimem essa influência pelo predomínio de formas geométricas, ora abstractas, ora esquemáticas, aludindo directa ou indirectamente aos novos engenhos, e particularmente à energia do futuro a Electricidade. Esta, o último tipo de energia a ser desenvolvido na viragem do século, vai inspirar explicitamente o design de posters publicitários onde avultam configurações radiais e em zig zag que estabelecem analogias com o Sol e o faiscar do relâmpago.

FILME DE 1954

20 mil léguas submarinas

Todo o design de concepção do filme é incrível, uma maravilha para a época; o Nautilus está muito bem construído e decorado, o que atesta de vez as qualidades que tornaram este conceito visual como o definitivo do Nautilus . Os espantosos efeitos especiais de Ralph Hammeras, Ub Iwerks, John Hench e Josh Meador e a direcção artística/cenários de John Meehan e Emile Kuri são perfeitos.

 

É HOJE APRESENTADO EM LISBOA

Primeiro festival de cinema flutuante do mundo

É hoje apresentado em Lisboa o primeiro festival de cinema flutuante do mundo: Odissea – Tourism & Ecology Film Festival, que se realiza a bordo do MSC Fantasia, entre os dias 11 e 14 de Novembro. O Odissea é um festival internacional de cinema sobre Turismo e Ecologia, abrangendo também os temas da Sustentabilidade e da Responsabilidade Social.

Oceano Fractal

Música e Matemática como irmãs, reunidas por algoritmos computacionais e pela síntese digital. Oceano Fractal, de Alex Costa, para ouvir aqui.

Inglês constrói réplica do Titanic com 120 mil palitos de fósforos

O inglês David Reynolds construiu uma réplica do Titanic com palitos de fósforos. Reynolds, que é marinheiro aposentado, mora em Southampton, cidade de onde o Titanic saiu no dia 10 de Abril de 1912. Reynolds precisou de 120 mil palitos de fósforos para alcançar a proeza.
Os palitos de fósforos foram perfeitamente cortados, colados e encaixados. Finalizada, a réplica tem aproximadamente 1,5 m.

NO MUSEU DE ARTE POPULAR

Nazaré, de Paulo Ferreira

Uma das quatro composições alegóricas da Sala da Estremadura (onde figuram igualmente Lisboa, Ribatejo e Terra Saloia).
Paulo Ferreira afirma-se principalmente como cenógrafo e figurinista da Companhia Portuguesa de Bailado Verde Gaio (1940-1950), criado e dinamizado por António Ferro, e também como pintor-decorador.

21 DE MARÇO - DIA MUNDIAL DA POESIA

JORGE LUIS BORGES - Quem é o Mar?

Antes que o sonho (ou o terror) tecesse | mitologias e cosmogonias,
antes que o tempo se cunhasse em dias,
o mar, sempre o mar, já estava e era.
Quem é o mar?

CHICO BUARQUE

Mar e Lua

Amaram o amor urgente | As bocas salgadas pela maresia | As costas lanhadas pela tempestade
Naquela cidade | Distante do mar
Amaram o amor serenado | Das noturnas praias
Levantavam as saias | E se enluaravam de felicidade
Naquela cidade
Que não tem luar

VINICIUS DE MORAES

Mar

Na melancolia de teus olhos | Eu sinto a noite se inclinar
E ouço as cantigas antigas
Do mar.

Nos frios espaços de teus braços | Eu me perco em carícias de água
E durmo escutando em vão
O silêncio.

Golfinhos voltaram ao Tejo, agora desenhados nos pilares da ponte 25 de Abril

Nos últimos meses, vários grupos de golfinhos foram vistos a passear no estuário do Tejo. A Estradas de Portugal (EP) aproveitou a deixa e decidiu desenhar imagens de golfinhos e de outros mamíferos e aves marinhas nas sapatas dos pilares da ponte 25 de Abril, que liga Lisboa a Almada.

VEJA O FILME

Os índios da Meia-Praia | António da Cunha Telles

A Meia - Praia, comunidade piscatória próxima de Lagos, no Algarve, vive com o 25 de Abril de 1974 uma experiência original e exemplar. As velhas casas são substituidas por moradias de pedra erguidas pela população e nasce a esperança de constituição de uma cooperativa de pesca. Dúvidas, contradições , e desgaste que um projecto de tal empenho implica e o primeiro acto eleitoral livre [pós-queda do regime].

JOSÉ AFONSO

Fui à beira do Mar

Fui à beira do mar | Ver o que lá havia | Ouvi uma voz cantar | Que ao longe me dizia
Sentei-me a descansar | Enquanto amanhecia | Entre o céu e o mar | Uma proa rompia

JOSÉ AFONSO

Tenho Barcos, Tenho Remos

Tenho barcos, tenho remos | Tenho navios no mar | Tenho amor ali defronte | E não lhe posso chegar.
Já fui mar já fui navio | Já fui chalupa escaler | Já fui moço, já sou homem | Só me falta ser mulher.
 

JOSÉ AFONSO

Mar Alto

Fosse o meu destino o teu | Ó mar alto sem ter fundo | Viver bem perto do céu | Andar bem longe do mundo...
Antes as tuas tormentas | do que todas as revoltas | No céu azul que adormentas |A solução nunca volta...

Total: 267
1 2 3 4 5 6 7 [8] 9 10 11 12 13 14