Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.

Crystal Symphony protagoniza a escala 100 de 2017 nos Açores

O Terminal de Cruzeiros das Portas do Mar recebe este sábado, dia 9 de Setembro, a escala do luxuoso navio de cruzeiros Crystal Symphony. A particularidade desta visita prende-se com o facto de se atingir a escala 100 do presente ano. Este regresso ao porto micaelense integra o itinerário atlântico que teve início no dia 6, em Lisboa, com visitas programadas a Ponta Delgada, Praia da Vitória, Madeira, Canárias e Marrocos.

Com 848 passageiros e 586 tripulantes a bordo, a chegada a Ponta Delgada está agendada para as 07h00 deste sábado e estima-se que largue amarras, rumo à Praia da Vitória, por volta das 19h00. No domingo, dia 10, é aguardado pelas 07h00, naquela que será a sua primeira escala na ilha Terceira.

O elegante paquete foi construído nos estaleiros Kvaerner Masa Yards, em Turku, na Finlândia e entregue à Crystal Cruises em março de 1995. Possui 51.044 toneladas de arqueação bruta, 237 metros de comprimento, 30 metros de boca e 7,6 metros de calado, podendo atingir, na sua velocidade máxima, os 21 nós, embora normalmente navegue a uma média de 18 nós. O navio disponibiliza 8 decks para passageiros, por onde se distribuem as 480 cabines com capacidade para acomodar 960 passageiros.