Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística



Notícias

Moçambique participa no Fórum do Mar

Cinco instituições moçambicanas vão participar, entre quinta-feira e sábado, em Portugal, no primeiro "Fórum do Mar", que visa a "promoção de negócios entre os expositores e profissionais dos diferentes segmentos que constituem a economia do mar".

A reunião tem como objectivo "sensibilizar os agentes económicos para a importância do transporte marítimo no desenvolvimento do comércio internacional", indica um comunicado da Market Access.

Segundo esta consultora especializada em negócio internacional e internacionalização de empresas, participam no "Fórum do Mar" o Instituto Nacional do Mar e Fronteiras, Centro de Desenvolvimento para Zonas Costeiras, Fundo Nacional do Ambiente, Ministério das Pescas e os Portos e Caminhos-de-Ferro de Moçambique.

O primeiro encontro do "Fórum do Mar" pretende, também, "sensibilizar a opinião pública para a importância económica, social e ambiental do mar", refere a nota.

Além de Portugal e Moçambique, estarão presentes, entre outros, representantes de Marrocos, Espanha, Japão, Omã, Cabo Verde, Reino Unido, Irlanda, Algéria, Luxemburgo, França, Eslovénia, Holanda, Bulgária, Polónia e Bélgica.

"Estes representantes integram variados sectores de actividade, como energias renováveis, náutica de recreio, construção e manutenção naval, autoridades e operadores portuários, consultoria em engenharia, coordenação ambiental, hidrografia, oceanografia, geotermia, instrumentos marítimos, pesca e aquacultura, associações e clusters marítimos internacionais", assinala a nota.

FONTE: ÁFRICA 21 DIGITAL