Portos de Portugal
Viagem ao Centro do Mundo

Porto de Viana do Castelo,
Alberga o maior estaleiro do País

Porto de Leixões
Referência na Região Norte do País

Porto de Aveiro
Uma solução Intermodal competitiva

Porto da Figueira da Foz
Promotor da Economia da Região Centro

Porto de Lisboa
Atlantic Meeting Point

Porto de Setúbal
Solução Ibérica na Região de Lisboa

Porto de Sines
Porta do Atlântico

Portos da Madeira
O Paraíso dos Cruzeiros

Portos dos Açores
A sua plataforma no Atlântico

Quem Somos

A APP – Associação dos Portos de Portugal é uma Associação sem fins lucrativos constituída em 1991, com o objectivo de ser o fórum de debate e troca de informações de matérias de interesse comum para os portos e para o transporte marítimo.

Pretende-se que a APP contribua para o desenvolvimento e modernização do Sistema Portuário Nacional, assumindo uma função que esteve subjacente à sua criação: constituir-se como um espaço privilegiado de reflexão e de decisão.



Newsletter

Clique aqui para se registar na newsletter.

Clique aqui para sair da newsletter.

Janela Única Logística




ESTA QUINTA-FEIRA, DIA 9

Ministra do Mar encerra Conferência «Governação e Sustentabilidade do Mar - Desafios Presentes e Prementes»

A Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, vai intervir esta quinta-feira, dia 9 de Maio, pelas 18h00, no Encerramento da Conferência “Governação e Sustentabilidade do Mar - Desafios Presentes e Prementes”.

O evento decorre no Auditório JJ Laginha, Edifício Sedas Nunes, do ISCTE, em Lisboa.
 

Porto de Setúbal: 1.º trimestre a crescer 5%

O Porto de Setúbal fechou o 1º trimestre de 2019 com um crescimento de 5% face ao período homólogo do ano anterior, representando um movimento total de 1,7 milhões de toneladas das quais mais de metade para exportação.

Este desempenho positivo face ao 1º trimestre de 2018 deve-se ao crescimento verificado na carga roll-on rol-off, com mais de 89 mil viaturas (crescimento de 18%), na carga contentorizada com 38 mil TEU (mais 0,7%), na fracionada sobretudo por produtos metalúrgicos (mais cerca de 13%) e nos granéis líquidos, essencialmente devido a produtos petrolíferos (mais 116,5%).

Projecto em andamento:

Porto de Sines com ligação à Polónia no âmbito do «transhipment» de GNL

A Ministra do Mar marcou presença no ‘Conselho de Energia UE-EUA, fórum de negócios de Gás Natural Liquefeito’, que decorreu a 2 e 3 de Maio. Em declarações aos jornalistas, à margem dos trabalhos, a governante declarou que Portugal se encontra a desenvolver projectos com outros países da União Europeia (UE) para o transporte de gás natural liquefeito (GNL).

Fornecimento de GNL: Porto de Sines em conexão com Gdansk

Entres esses países estão a Polónia e a Hungria. «Temos um projecto já a começar a ser concretizado que é com a Polónia, de termos dois portos ligados, o de Sines e o porto principal deles», desvendou a Ministra do Mar. O projecto é útil para a Polónia, uma vez que cria «uma alternativa relativamente ao fornecimento da Rússia, e que permite fazê-lo com uma redução substancial do número de emissões de ácido sulfúrico, partículas e de dióxido de carbono […] e com um custo de transporte que é menos de metade do que são as referências internacionais», explicou.

PORTO DE AVEIRO

PRIO em obras para crescer (ainda) mais

É no Terminal de Granéis Líquidos que se situa a maior empresa do distrito de Aveiro, a PRIO. Uma realidade que se deverá manter com os investimentos que está a promover actualmente, como explica, em entrevista, o administrador e responsável de Marketing, Paulo Leal.

PORTO DE AVEIRO

PTM Iberica é referência no sector marítimo-portuário

A operar no Porto de Aveiro desde 2014, a empresa é já uma referência no sector marítimo-portuário nacional e espanhol, mas prevê crescer mais com o negócio de contentores em Aveiro.
O grupo Pérez Torres Marítima, sediado em Marin (Espanha), é especializado em operações portuárias envolvendo todos os tipos de mercadorias, desde contentores, granéis, produtos siderúrgicos, carga geral e carga de projectos, entre outros. Com 55 anos de história, o grupo espanhol marca presença em numerosos portos em Espanha e, em Portugal, está presente no Porto de Aveiro, através da empresa PTM Ibérica, desde Julho de 2014.

BELT AND ROAD

Grécia pretende ajudar a reforçar os laços entre a China e a União Europeia

A Grécia é uma ponte e não uma fronteira entre o Ocidente e o Oriente, e é já um hub regional em crescimento que vem ganhando influência global, disse o primeiro-ministro grego Alexis Tsipras durante a realização do Fórum Belt and Road Initiative, ocorrido em Pequim – o encontro, recorde-se, contou igualmente com a participação do Presidente da República portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa.

Indústria marítima britânica alerta para efeitos da redução da velocidade dos navios

A UK Chamber of Shipping, uma associação representativa da indústria marítima do Reino Unido, considerou recentemente que a prescrição da redução da velocidade dos navios para reduzir as emissões de poluentes pelo transporte marítimo pode ser contraproducente.

A ideia não é nova nem desconhecida da Organização Marítima Internacional (IMO, no acrónimo em inglês), mas é controversa e não tem sido admitida pelas instâncias internacionais devido ao impacto económico que pode ter no sector. Todavia, com a aproximação das novas regras da IMO sobre emissões neste sector, já a partir de 2020, o tema volta a merecer a atenção da indústria.

Navio E-Ship 1 no Porto de Aveiro

O imponente E-Ship 1 esteve esta semana no Porto de Aveiro, para carregar componentes de geradores de energia eólica com destino ao Porto de Izmir, na Turquia.
O E-Ship 1 é um navio Flettner: quatro grandes rotores que se elevam do seu convés são rodados através de uma ligação mecânica às hélices do navio. As velas, ou rotores de Flettner, auxiliam a propulsão do navio por meio do efeito Magnus - a força perpendicular que é exercida sobre um corpo em movimento movendo-se através de um fluxo de fluido.
 

PORTO DE AVEIRO

Aveiport aumenta área de armazenagem especializada

Operador portuário do Grupo ETE, a Aveiport aumentou a capacidade de armazenagem própria no Porto de Aveiro.
20 mil metros quadrados. É esta a actual área do armazém da Aveiport localizado na área do Porto de Aveiro e que permite dar todas as condições de qualidade e segurança a cargas que necessitam de armazenagem, sejam eles produtos agro-alimentares ou siderúrgicos (tais como bobines de aço, rolos de cordão e papel). De salientar que os armazéns têm, ainda, uma via férrea integrada e uma ponte rolante que, de acordo com a empresa, "facilitam a movimentação das cargas".

ANA PAULA VITORINO:

Portugal vai absorver boa parte do aumento das trocas de gás entre EUA e UE

Portugal é um dos cinco países da União Europeia (UE) com maior ligação aos Estados Unidos no transporte de gás natural liquefeito, devendo absorver “boa parte” do aumento das trocas comerciais previstas para o setor, estimou esta quinta-feira, 2 de maio, o Governo.

“Nós estamos no ‘top’ cinco das ligações dos Estados Unidos com a Europa. Portanto, boa parte desse crescimento [previsto para o comércio de gás natural liquefeito] será, com certeza, absorvido por Portugal”, afirmou a Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino. A governante falava aos jornalistas em Bruxelas no final de um fórum de energia de alto nível sobre o transporte marítimo de gás natural liquefeito (GNL) entre a UE e os Estados Unidos.

PORTO DA FIGUEIRA DA FOZ

Novo Conselho de Administração da APFF reúne com a Comunidade Portuária

O recém-empossado Conselho de Administração da APFF, S.A., esteve reunido, na manhã desta quinta-feira, 2 de Maio, com a Direcção da Comunidade Portuária da Figueira da Foz.

O encontro contou com as presenças de Fátima Lopes Alves, Presidente do CA da APFF, Isabel Moura Ramos, Nuno Marques Pereira e Helder Vale Nogueira (vogais), tendo a Comunidade Portuária da Figueira da Foz sido representada por Gonçalo Vieira (Presidente) e Paulo Mariano (Vice-Presidente).

RiaBlades regista maior volume de pás transportadas no Porto de Aveiro

Sediada no concelho de Vagos, a RiaBlades dedica-se à produção de pás eólicas, tanto para o mercado "onshore" como "offshore" (em mar).
Tendo iniciado a actividade em 2009 no concelho de Vagos, mais propriamente no Parque Empresarial de Soca, a quase totalidade da produção da RiaBlades tem como destino a exportação.

Porto de Sines reforça liderança nos Contentores; Leixões também aumenta quota

De acordo com os dados veiculados pelo relatório de actividades da AMT referente aos dois primeiros meses de 2019, os portos do continente movimentaram 15,35 milhões de toneladas, o que se traduziu num crescimento homólogo de 4,3%. No segmento dos Contentores, os portos de Setúbal e Leixões obtiveram «a melhor marca de sempre» no período Janeiro-Fevereiro. Sines e Leixões também merecem destaque.

Reporta a AMT no seu relatório que o Porto de Sines «mantém a liderança deste segmento de mercado no período Janeiro‑Fevereiro de 2019, com uma quota de 58,9%, +2,1 pontos percentuais (pontos percentuais) face ao mesmo período de 2018». Um reforço da liderança nacional que foi acompanhado pelo Porto de Leixões, que também logrou aumentar «a sua quota para 22,3% (+2,5 pontos percentuais)».

MSC abre escritório em Sevilha para consolidar a sua presença na Andaluzia

A MSC continua empenhada em consolidar a sua presença no mercado da região da Andaluzia. Concretamente, a companhia mediterrânica anunciou a abertura de um novo escritório comercial em Sevilha, que se junta assim às suas delegações em Cádiz e Málaga.

Recorde-se que a MSC havia já expandido a sua oferta de serviços no mercado andaluz durante o ano de 2018, com a implementação de uma ligação ferroviária entre Córdoba e Valência, e uma escala no porto de Almeria.

Portos portugueses movimentam mais 4,3% de carga até Fevereiro

Os portos de Portugal Continental movimentaram mais 4,3% de carga até Fevereiro face ao mesmo período de 2018, atingindo 15,35 milhões de toneladas, divulgou a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT), esta terça-feira. De acordo com o relatório de actividades de Fevereiro da AMT, “ao período de dois meses corresponde um acréscimo global de 627 mil toneladas, com destaque para o contributo dos portos de Sines [+744 mil toneladas], Leixões [+110 mil toneladas] Setúbal [+90 mil toneladas] e Viana do Castelo [+26 mil toneladas].

PORTO DE AVEIRO

Braga Alves movimenta carga há já meio século

Inscrita na Associação dos Transitáríos de Portugal, a Braga Alves, Lda. actua na área dos transportes marítimos e aéreos, colocando também à disposição dos seus clientes vários serviços na área da logistica e aduaneira.

ECONOMIA DO MAR ACELERA ENTRE 2015 E 2018:

EXPORTAÇÕES AUMENTAM 25%, VAB DAS EMPRESAS CRESCE 30% E MARINHA MERCANTE SOBE 94%

O crescimento da economia do mar está em elevada aceleração ao longo do quadriénio correspondente à última legislatura (2015-19). De acordo com a análise do Observatório da Economia Azul do Ministério do Mar, as exportações de bens do setor do mar em 2018 registaram um aumento de 25% relativamente a 2015. No último ano, o setor ‘azul’ registou mais de 2 mil milhões de euros em exportações (2 186 740 724€), quase 500 milhões a mais do que o valor alcançado em 2015 (1 753 761 953€).

O crescimento da Economia Azul nacional verifica-se também no Valor Acrescentado Bruto (VAB) das empresas do Setor do Mar. Segundo a análise do Observatório da Economia Azul do Ministério do Mar, em 2017 este valor representava 3,4% do VAB das empresas da Economia Nacional.

Socarpor-Yilport lidera a movimentação de carga no Porto de Aveiro

A operar há já 35 anos, para além de prestar os mais variados serviços portuários, a empresa é concessionária da exploração do Terminal Sul. Operando no Porto de Aveiro desde 1984, a Socarpor/Yilport presta, a todos os utentes, serviços portuários num vasto leque de actividades conexas com as necessidades das mercadorias, quer destinadas quer oriundas do tráfego marítimo, das quais se destacam a carga e/ou descarga, armazenagem, tráfego terrestre e restantes operações e serviços complementares, necessários à manutenção da cadeia logística.

Marcelo Rebelo de Sousa elogia na televisão chinesa ajuste de «Uma Faixa, Uma Rota» com valores europeus

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou este sábado, em entrevista à televisão estatal chinesa, que o seu homólogo da China demonstrou vontade de que a iniciativa "Uma Faixa, Uma Rota" convirja com valores europeus.

"Foi um discurso muito importante, porque o Presidente Xi [Jinping] respondeu a muitos daqueles que criticaram a China pela iniciativa 'Uma Faixa, Uma Rota'", afirmou Rebelo de Sousa, em entrevista à televisão estatal chinesa CGTN.

Recorde-se que as autoridades portuguesas querem incluir uma rota atlântica no projeto chinês, o que permitiria ao Porto de Sines ligar as rotas do Extremo Oriente ao Oceano Atlântico, beneficiando do alargamento do Canal do Panamá.

Presidente da República e Governo reforçam alinhamento com a China

Com uma representação do mais alto nível no Fórum da nova Rota da Seda, Portugal assume o interesse em atrair ainda mais investimento chinês.
A hipótese de ficar em mãos chinesas o segundo terminal do Porto de Sines está em cima da mesa e não deixará de ser abordada nos contactos destes dias.

Total: 4090